Inicio » Minas Gerais » Centro Oeste de Minas » MG – Falta de água faz prefeito de Pará de Minas decretar estado de calamidade pública

MG – Falta de água faz prefeito de Pará de Minas decretar estado de calamidade pública

Em decorrência de falta de água, o prefeito de Pará de Minas, Antônio Júlio, decretou situação de calamidade pública. O decreto é uma forma de facilitar as ações da Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa) para revolver o problema de abastecimento na cidade, que fica no Centro-Oeste mineiro.
MG - Falta de água faz prefeito de Pará de Minas decretar estado de calamidade pública
MG – Falta de água faz prefeito de Pará de Minas decretar estado de calamidade pública

Essa não é a primeira vez que Antônio Júlio toma decisões desse grau de importância em relação à falta de água no município. Em outubro do ano passado, ele chegou a decretar estado de emergência. No entanto, a situação se agravou de forma drástica nesta semana, principalmente nos bairros localizados nas partes altas, como o Padre Libério, Recanto da Lagoa e Santa Edwiges. Em outras localidades, o abastecimento também está bastante complicado e os moradores estão sem água há pelo menos dois dias.

Segundo dados da Copasa e da Secretaria Municipal de Agronegócio, Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, os mananciais que abastecem Pará de Minas sofreram uma redução significativa. Só nos últimos meses, a vazão média de água por segundo está entre 80 e 120 litros, sendo que o ideal seria 260.
José Gomes, gerente da Copasa em Pará de Minas, informou ao prefeito que uma das medidas que a estatal está adotando para amenizar os transtornos é a contratação de mais caminhões-pipa.
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).