Inicio » Mais Seções » Games » Games – Microsoft irá vender versão do Xbox One sem Kinect

Games – Microsoft irá vender versão do Xbox One sem Kinect


Reviewed by:
Rating:
5
On 19 de maio de 2014
Last modified:17 de dezembro de 2014

Summary:

Games - Microsoft irá vender versão do Xbox One sem Kinect

A Microsoft anunciou  que irá começar a vender o Xbox One sem o Kinect. A iniciativa visa diminuir o custo do console para concorrer diretamente com o Playstation 4 na mesma faixa de preço.

A nova versão do aparelho começara a ser vendida em 9 de junho e custará US$ 400(aproximadamente, R$ 886), cem dólares a menos que o original.

Xbox One
Xbox One

A Microsoft apostava que o novo Kinect seria usado por desenvolvedores para ampliar a experiência de imersão em seus games. No entanto, ele foi mal utilizado até o momento e virou alvo de críticas por parte dos jogadores, que consideravam o aparelho desnecessário.

Titanfall, game mais vendido para a plataforma, não utiliza o Kinect de forma alguma. Outros jogos utilizam poucos comandos de voz e gestos e Kinect Sports Rivals é o único título que foi desenvolvido especialmente ser usado com a ferramenta.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).