Inicio » Política » Eleições 2014 – Servidora é demitida após criar perfil falso de Aécio Neves

Eleições 2014 – Servidora é demitida após criar perfil falso de Aécio Neves

A Prefeitura de Guarulhos demitiu terça-feira (27) a servidora Nataly Galdino Diniz e instalou uma sindicância para apurar se a funcionária usou computadores do local para administrar páginas com ofensas ao senador e pré-candidato à Presidência da República Aécio Neves (PSDB-MG) em redes sociais.

Eleições 2014 - Servidora é demitida após criar perfil falso de Aécio Neves
Eleições 2014 – Servidora é demitida após criar perfil falso de Aécio Neves

“Nataly Galdino Diniz foi exonerada preventivamente do cargo que ocupava na terça-feira. Ainda na terça, a Prefeitura instalou sindicância para apurar as denúncias veiculadas na imprensa, cuja duração é de 30 dias, podendo ser prorrogada por mais 30 dias”, disse em nota a Secretaria de Comunicação.

A identidade de Nataly foi revelada após a equipe de advogados de Aécio mover um processo contra 27 empresas de tecnologia no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) para descobrir quem estava por trás do perfil “Aécio Boladasso”.

Criado inicialmente como uma cópia do “Dilma Bolada”, página de humor simpática à presidente Dilma Rousseff, o perfil falso no Facebook logo passou a propagar que o senador teria o hábito de consumir álcool. Aécio é um dos principais adversários de Dilma na corrida presidencial. O PSDB entrou com uma ação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para que o PT seja multado pelo caso, já que a Prefeitura de Guarulhos está sob a administração do partido há 14 anos.

Agência Estado
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).