Inicio » Mais Seções » Beleza » Beleza – Injeção de hidrogel preenche rugas e aumenta até o bumbum

Beleza – Injeção de hidrogel preenche rugas e aumenta até o bumbum

Desenvolvidas especialmente para as mulheres que têm medo de intervenções cirúrgicas, mas querem corrigir alguma imperfeição no rosto ou no corpo, as injeções de hidrogel vêm sendo cada vez mais procuradas no mercado.

Aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a técnica consiste na aplicação de uma substância chamada gel hidrofílico, que atua preenchendo os espaços desejados ao criar um depósito de solução fisiológica nos tecidos.

Aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a técnica consiste na aplicação do gel hidrofílico, que atua preenchendo os espaços desejados por meio da criação de um depósito de solução fisiológica nos tecidos
Aprovada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), a técnica consiste na aplicação do gel hidrofílico, que atua preenchendo os espaços desejados por meio da criação de um depósito de solução fisiológica nos tecidos

Composto por 98% de água e 2% de poliamida (molécula sintética que armazena líquido), o ativo, quando injetado na derme, faz com que o organismo crie uma cápsula em sua volta, capaz de impedir a sua rápida absorção e migração para outras áreas do corpo, causando deformações.  “Dessa forma, o hidrogel permanece no tecido subcutâneo, provocando, na prática, uma espécie de preenchimento, responsável por suavizar rugas e até melhorar a assimetria dos seios e do bumbum”, explica Helio Caprio, médico cirurgião, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP) e diretor da Clínica das Palmeiras, no Rio de Janeiro.

Como funciona?
A aplicação do gel funciona como uma injeção comum, mas com anestesia local. O procedimento dura cerca de uma hora e a recuperação demora entre cinco e dez dias. Neste período, pode haver um pouco de edema e hematomas na área tratada, mas isso é natural e some gradativamente. Até o desaparecimento total dos efeitos colaterais, recomenda-se a não exposição do rosto ao sol e o uso de malha compressiva no corpo por dez ou 15 dias, para que o produto seja moldado de maneira correta.

O efeito esperado aparece de forma imediata, mas mesmo assim são feitas, geralmente, de uma a três aplicações, sendo necessário respeitar um período de 30 dias para a reaplicação no rosto e de 90 para outras regiões do corpo. “Correção de rugas e marcas de expressão, depressões da região malar (maçã do rosto), queixo e melhora do volume da mama e dos glúteos são as atribuições mais comuns do hidrogel. Em todos os casos, os efeitos podem ser vistos imediatamente”, explica o médico.

A mudança proporcionada pelo tratamento na face dura de dois a três anos. Já no corpo, ela é percebida durante cinco ou seis anos. Apesar disso, o hidrogel, que tem a vantagem de apresentar pouquíssimos casos de rejeição, não pode ser considerado um substituto das intervenções cirúrgicas. “Esse tipo de preenchimento é apenas um método que auxilia a cirurgia plástica, refinando e melhorando os seus resultados, que só deve ser realizado por recomendação médica”, ressalta o especialista.

O investimento, no entanto, nem sempre agrada ao bolso. Cada aplicação varia entre R$ 500 ou R$ 5.000, de acordo com as áreas a serem corrigidas.

Agência Hélice

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).