Inicio » Minas Gerais » MG – Tia mata sobrinha de 6 anos e joga corpo dentro de caixa d’água

MG – Tia mata sobrinha de 6 anos e joga corpo dentro de caixa d’água

Uma mulher de 28 anos foi presa após matar a própria sobrinha, de apenas 6 anos, em Virgem da Lapa, no Vale do Jequitinhonha, na última terça-feira (10). Após assassinar a criança, a suspeita ainda jogou o corpo da menina dentro de uma caixa d’água cheia de água. 

De acordo com o boletim de ocorrência da Polícia Militar, o crime aconteceu no lote em que as duas famílias moravam. O pai de Nádia Silva de Sousa foi até quartel e contou que, na parte da manhã, saiu para trabalhar e sua companheira foi para a reunião escolar de um dos filhos em uma escola da cidade.

Enquanto isso, Nádia ficou com os irmãos em casa, localizada no aglomerado do Paraíso. A menina brincava no quintal quando a irmã do pai, Zenilda Pereira da Costa, começou a golpeá-la com uma faca. A vítima foi atingida no pulso e no pescoço. Não satisfeita, a criminosa ainda jogou a vítima em uma caixa d’água.

MG - Tia mata sobrinha de 6 anos e joga corpo dentro de caixa d'água
MG – Tia mata sobrinha de 6 anos e joga corpo dentro de caixa d’água

Depois do homicídio, a criminosa fugiu, mas foi localizada pelos militares escondida em um antigo matadouro da cidade. No momento da prisão, a jovem estava acompanhada do filho de 4 anos. Com a detenção da mulher, o garoto ficou sob os cuidados do Conselho Tutelar de Virgem da Lapa.

Ao ser questionada pelos policiais da morte da sobrinha, Zenilda confessou o crime e disse que assassinou a criança porque estava sendo provocada pela mãe da vítima, cunhada da suspeita. Na versão da assassina confessa, a cunhada havia ameaçado mandá-la embora do lote.

Zenilda foi encaminhada à Delegacia de Plantão de Pedra Azul e, em seguida, ao Presídio de Itaobim.

“Criança provocou”

Em depoimento à delegada de plantão de Pedra Azul, Ana Carolina Santana, Zenilda contou com detalhes como o crime aconteceu. “Ela disse que estava lavando roupa na caixa d’água quando a menina chegou e começou a provocá-la dizendo que ‘a mãe ia tirar ela do bairro’”, disse a delegada.

Após a “provocação”, a suspeita pegou uma faca e cortou os pulsos e o pescoço da garota. Depois, a menina foi jogada na água que era usada para a limpeza das roupas. A irmã de Nádia e o filho de Zenilda estavam brincando na sala e não presenciaram o crime.

“O depoimento demorou cerca de três horas, ela chorou o tempo todo e visivelmente estava arrependida.  Zenilda disse que estava cansada das provocações da mãe da menina que, além de falar que mandaria ela e os filhos embora, também afirmava que a suspeita era ‘mulher da vida’ por ter filhos de pais diferentes, sendo que esses homens não tinham assumido os meninos”, contou Ana Carolina.

Agora, o caso está com o delegado Ednelton Carracci. Segundo ele, o resultado da perícia já saiu e ficou confirmado que a morte de Nádia foi ocasionada pelos ferimentos nos pulsos e pescoço. “A morte dela foi por hemorragia. Quando a menina foi jogada na caixa d’água, ela já estava morta”, disse Carracci.

Os pais da vítima serão ouvidos na próxima semana. A princípio, Zenilda será indiciada por homicídio qualificado por motivo fútil. A pena para o crime varia de 12 a 30 anos de pisão.

Comoção

O crime chocou os moradores de Virgem da Lapa, cidade com quase 14 mil habitantes. A população ficou surpresa ao saber que Zenilda, que até então não tinha se envolvido em nenhuma confusão, matou a sobrinha.

“A família é conhecida aqui na cidade. Todo mundo ficou assustado ao saber que ela (Zenilda) fez isso com a menina. Nosso ficamos muito comovidos com o caso”, contou uma moradora que pediu para não ter o nome divulgado.

O velório de Nádia aconteceu no salão de uma igreja evangélica que a família frequenta. O corpo da criança foi enterrado na manhã dessa quarta-feira (11). 

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).