Inicio » Minas Gerais » MG – Municípios mineiros recebem investimentos da ordem de R$ 600 milhões

MG – Municípios mineiros recebem investimentos da ordem de R$ 600 milhões

Como parte da estratégia de ser cada vez mais parceiro dos municípios mineiros, o Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG) viabilizou, no último ano, quase R$ 600 milhões em investimentos para os municípios mineiros. A última etapa da contratação dos recursos para os municípios acaba de ser concluída. Por meio de uma parceria entre o BDMG e o Estado, 218 municípios foram beneficiados e 297 novos investimentos foram feitos. Só nas regiões do Vale do Jequitinhonha, Noroeste e Norte de Minas foram contratados mais de R$ 69 milhões. 

MG - Municípios mineiros recebem investimentos da ordem de R$ 600 milhões
MG – Municípios mineiros recebem investimentos da ordem de R$ 600 milhões

Em abril do ano passado, o BDMG disponibilizou R$ 700 milhões para apoiar investimentos em infraestrutura, saneamento, edificações públicas, compra de máquinas, além de modernização administrativa no Estado. Os limites de financiamento por tomador são de até R$ 3 milhões, disponíveis em quatro linhas: BDMG Cidades, BDMG Urbaniza, BDMG Maq e BDMG Saneamento. A capitalização do Banco, pelo Governo de Minas, permitiu a criação dessas novas linhas e reforçou sua atuação junto aos municípios mineiros.


Um dos principais diferenciais do BDMG – líder no apoio à infraestrutura municipal em Minas Gerais – é o atendimento especializado e personalizado, com equipes que conhecem as questões das administrações municipais, dando assistência técnica na montagem das propostas.

O BDMG Cidades financia edificações municipais, projetos de apoio ao turismo e ao patrimônio histórico e cultural. O prazo total do financiamento é de até 60 meses, incluídos até 12 meses de carência. Para projetos de iluminação pública, mobilidade e drenagem urbana há a linha BDMG Urbaniza, que oferece prazo total de até 72 meses, com até 12 meses de carência.

Já a linha BDMG Maq contempla propostas de aquisição de máquinas, equipamentos e veículos novos. Financiamentos destinados a projetos de água, esgoto e resíduos sólidos urbanos são contemplados pelo BDMG Saneamento, que disponibiliza prazo total de até 84 meses, com até 12 meses de carência.

Parceria com o BID

O BDMG assinou no dia 13 de junho contrato de empréstimo de US$ 150 milhões com o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID) para apoio aos municípios mineiros. Os recursos serão provenientes do BID e do Fundo Chinês de Cofinanciamento para a América Latina e Caribe – constituído pelo Banco Popular da China (BPC) e gerido pelo BID – e apoiarão projetos de investimento na infraestrutura municipal em Minas Gerais, sendo financiados até R$ 5 milhões por município.

Estima-se que serão apoiados aproximadamente 200 projetos por meio das linhas BDMG Saneamento e BDMG Urbaniza, que receberão o reforço dos recursos emprestados pelo BID. Na avaliação do presidente do BDMG, Júlio Onofre Mendes de Oliveira, a operação com o BID foi possível graças a três fatores decisivos: a política de contínua capitalização do Banco, adotada pelo Estado nos últimos anos; o duplo grau de investimento alcançado pelo BDMG em 2012 e confirmado em 2013; e a experiência do Banco na concessão de crédito aos municípios mineiros.
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).