Inicio » Mais Seções » Curiosidades » Artista cria perfume com aroma de próprio suor e lágrimas

Artista cria perfume com aroma de próprio suor e lágrimas

A maioria das mulheres usa perfume para mascarar o odor corporal, mas uma artista  criou uma proposta justamente inversa com a fragrância chamada Eau de M, que é baseada nos aromas de seu próprio corpo, ou seja, suor, lágrimas e cabelo. As informações são do Daily Mail. 

A artista pretende provocar memórias e sentimentos com a criação
A artista pretende provocar memórias e sentimentos com a criação

Martynka Wawrzyniak, para produzir o perfume, dormiu com a mesma camiseta por cinco noites seguida, além de praticar ioga com a peça. Depois, colocou a camiseta em um frasco. Para extrair e engarrafar suas lágrimas, ela viu filmes e desenhos animados que a remetiam à infância.

Foi um ano de trabalho ao lado de estudantes de química. Os alunos, sob supervisão de um professor, fizeram um procedimento de lavagem da roupa com etanol, deixando-o evaporar. Os aromas extraídos foram entregues a profissionais para que pudessem recriá-los.

Entre as substâncias usadas, estão coco, cacau, maracujá, cheiro leitoso e frutado, para tentar recriar o cheio natural do corpo de Martynka. Ela afirmou que a “criação representa a verdadeira essência de uma mulher” e que tem um fundo artístico em sua ideia, usando o cheiro. “Você inala pelo nariz e cria sentimentos e memórias”, acrescentou.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).