Inicio » Mais Seções » Google compra serviço de música Songza; valor é “secreto”

Google compra serviço de música Songza; valor é “secreto”

O Google adquiriu o serviço de streaming de música Songza, no mais recente movimento da empresa de busca na internet para desempenhar um papel maior no negócio de rápido crescimento da música online.

O Google anunciou nesta terça-feira que iria explorar maneiras de incorporar aspectos do Songza em seu serviço de transmissão de música existente ao longo dos próximos meses. Por enquanto, o serviço Songza, que existe há quatro anos e que cria listas de músicas “especialistas em curadoria” destinadas a combinar atividades e gostos dos usuários, permanecerá inalterado para os usuários existentes.

Songza existe há quatro anos e cria listas de músicas com "especialistas em curadoria"
Songza existe há quatro anos e cria listas de músicas com “especialistas em curadoria”

O Google não forneceu os termos financeiros do negócio, embora uma reportagem do New York Post, no início deste mês, citando fontes anônimas, tenha dito que o Google se ofereceu para comprar a empresa por US$ 15 milhões.

O negócio ocorre um mês após a Apple ter adquirido a Beats Electronics por US$ 3 bilhões, que também inclui um serviço de streaming de música.

O Google não disse quantos funcionários o Songza tinha, mas disse que a empresa vai continuar a operar a partir de sua base em Nova York.

Reuters

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).