Inicio » Nacional » Brasil – Mais de 60 mil saíram de casa por chuva forte no RS e em SC

Brasil – Mais de 60 mil saíram de casa por chuva forte no RS e em SC

Mesmo com a trégua nesta quarta-feira na chuva intensa que atingiu Santa Catarina e Rio Grande do Sul na última semana, o número de pessoas que precisaram deixar as suas casas continua crescendo nos dois Estados e passa de 60 mil. Segundo a Defesa Civil, o motivo é que com a diminuição das inundações, as prefeituras têm conseguido encaminhar os números de atingidos nos municípios. 

Governador Tarso Genro visitou as áreas mais atingidas pela chuva intensa do RS na terça-feira
Governador Tarso Genro visitou as áreas mais atingidas pela chuva intensa do RS na terça-feira

O total de cidades que decretaram situação de emergência também aumentou: são 37 catarinenses e 34 gaúchas. Além disso, um município do Rio Grande do Sul, Iraí, está em estado de calamidade pública. Ao todo, 141 cidades foram atingidas nos dois Estados. 

No Rio Grande do Sul, o número de desabrigados (que estão em abrigo) ou desalojados (que estão em casas de amigos ou parentes) chegou a 9.674. Em Santa Catarina, são 51.088 nessas condições. 

Segundo dados da Epagri/Ciram o volume de chuva em junho é recorde em todas as regiões de Santa Catarina. De acordo com o órgão oficial do Estado, o acumulado superou os 500 milímetros. As regiões oeste, meio-oeste, Planalto Norte e Alto Vale do Itajaí foram as áreas que registraram maior volume de precipitação

A bacia do rio do Peixe foi uma das que mais sentiu os maiores efeitos das chuvas na semana que passou. O acumulado foi de 400 milímetros no oeste, onde houve maior concentração de chuva durante uma semana. Somente Chapecó registrou 430 milímetros, cuja média é de 175 milímetros para junho.

Governador do RS visita municípios atingidos
Ontem, o governador do Rio Grande do Sul visitou as áreas mais afetadas no Estado. Tarso Genro esteve em Iraí e São Borja. Nesta quarta-feira, está marcada uma nova reunião dos prefeitos dos municípios atingidos no Palácio Piratini. “Nós vamos nos articular para recuperar a totalidade dos prejuízos que ocorreram. As ações emergenciais já estão em andamento com o apoio e a solidariedade do governo federal para trabalharmos juntos e diminuir os danos desse acontecimento que abalou a comunidade da região”, afirmou.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).