Inicio » Minas Gerais » MG – Balanço da Seds aponta o aumento no índice de roubos em Minas

MG – Balanço da Seds aponta o aumento no índice de roubos em Minas


Reviewed by:
Rating:
5
On 23 de julho de 2014
Last modified:17 de dezembro de 2014

Summary:

MG - Balanço da Seds aponta o aumento no índice de roubos em Minas

A Secretaria de Estado de Defesa Social (Seds) divulgou, na tarde desta quarta-feira (23), o balanço dos índices de criminalidade violenta do primeiro semestre em Minas. De janeiro a junho deste ano, o índice de roubo consumado apresentou alta de 27% em comparação com o mesmo período de 2013. O percentual é o mesmo para Belo Horizonte e região Metropolitana.
 
MG - Balanço da Seds aponta o aumento no índice de roubos em Minas
MG – Balanço da Seds aponta o aumento no índice de roubos em Minas

Neste ano, foram registradas 17.152 ocorrências de roubo em Belo Horizonte contra 13.412 feitas em 2013. Em todo o Estado, foram 45.710 em 2014 contra 35.845 ocorrências de roubo registradas no ano passado. 

 
A maioria dos outros índices de criminalidade violenta, porém, apresentou queda. Na capital, houve queda de 10% dos registros de homicídio, passando de 410 para 369 neste ano. Já os crimes de extorsão mediante sequestro diminuíram em 25% e os de sequestro e cárcere privado obtiveram queda de 6% no primeiro semestre de 2014 em relação ao mesmo período do ano passado, em Belo Horizonte
 
A região Metropolitana registrou retração em todos nos índices de todos os tipos de crimes, exceto roubo. A maior destaque foi para estupro consumado, com 20% de queda. 
 
As estatísticas de junho desde ano também apontam redução da criminalidade violenta em todo o Estado. A Seds e a Polícia Militar atribuem a queda das estatísticas em grande parte ao projeto Pacto Contra a Impunidade. A iniciativa lista pessoas suspeitas pela participação de cometer mais de um crime para serem conduzidos e apresentados à Justiça. Em três meses de projeto, 6.741 recorrentes de práticas criminais foram detectados. Destes, 2.687 foram presos.
 
O secretário estadual de Defesa Social, Rômulo Ferraz, avalia o balanço de forma positiva. Porém, ele reconhece que, principalmente, o combate ao crime de roubo é um dos principais desafios para as forças de segurança do Estado. Segundo o secretário, as polícias, o poder judiciário e até o Ministério Público têm atuado de forma conjunta na tentativa de diminuir esses índices.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).