Inicio » Internacional » Europa » Europa – Professor é proibido de dar aulas após fazer sexo com aluna

Europa – Professor é proibido de dar aulas após fazer sexo com aluna

Um professor de educação física foi proibido de dar aula pelo resto da vida após fazer sexo com uma aluna de 17 anos, segundo o jornal Daily Mirror

Luke Atkinson tinha 23 anos quando dormiu com uma adolescente de 17
Luke Atkinson tinha 23 anos quando dormiu com uma adolescente de 17

Luke Atkinson tinha 23 anos quando passou uma noite junto da adolescente há dois anos. Ele conheceu a menina em uma boate em Doncaster, no condado de South Yorkshire, Inglaterra, onde ele estava acompanhado de amigos. Após se conhecer, o casal foi para um hotel.

A garota, hoje com 19 anos, relutou em apresentar evidências contra o ex-professor e se recusou a processá-lo. Atkinson não compareceu a uma reunião do órgão que avalia a conduta dos profissionais da educação em junho, e seu pedido para ser ouvido em uma sessão privada foi recusado. 

De acordo com a entidade, ele teria mentido ao dizer que não havia levado a jovem a um hotel quando câmeras de vídeo do circuito interno do local mostraram a dupla entrando no local.

O professor também foi acusado de não cooperar com a investigação policial, o que fez com que seu comportamento fosse classificado de inaceitável.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).