Inicio » Política » Mensalão Mineiro – Aécio Neves diz que se alguém do PSDB for condenado, não irá virar ‘herói’

Mensalão Mineiro – Aécio Neves diz que se alguém do PSDB for condenado, não irá virar ‘herói’

Candidato do PSDB à Presidência, o senador Aécio Neves (MG) rebateu declaração da presidente Dilma Rousseff (PT) sobre o mensalão mineiro.

O senador disse ainda que a condenação de ex-dirigentes do PT pelo Supremo Tribunal Federal deveria "servir de exemplo"
O senador disse ainda que a condenação de ex-dirigentes do PT pelo Supremo Tribunal Federal deveria “servir de exemplo”

Em sabatina promovida nesta segunda-feira (28) pela Folha de S.Paulo, o UOL, o SBT e a rádio Jovem Pan, a presidente disse que o mensalão petista foi tratado com “dois pesos e 19 medidas” e criticou que caso similar que envolve o ex-governador de Minas Gerais Eduardo Azeredo (PSDB) não foi julgado.

Questionado sobre o assunto, Aécio disse que “não é uma manifestação feliz da presidente”. “Acho que tudo tem que ser julgado, independente do partido a qual as pessoas pertencem”, afirmou.
O senador disse ainda que a condenação de ex-dirigentes do PT pelo Supremo Tribunal Federal deveria “servir de exemplo” e que se houver punição a políticos ligados ao PSDB, o partido “não o tratará como herói”.

“No caso do PSDB, se alguém filiado ao partido ou ligado a ele cometer algum delito, nós não os trataremos como heróis, como buscou fazer o PT.”

Aécio falou à imprensa após encontro com dirigentes de ONG, em São Paulo. Ele anunciou que terá um “fórum” para debater o terceiro setor maneiras de transformar em politicas publicas boas iniciativas.

MAIS MÉDICOS

O senador tucano também rebateu fala de Dilma sobre a proposta de revisão do contrato firmado com profissionais cubanos que atuam no Mais Médicos.

A presidente insinuou nesta segunda, sem citar Aécio nominalmente, que o tucano tem uma posição “fundamentalista sobre Cuba”.

“O que eu quero é acabar com a discriminação em relação aos médicos cubanos”, disse ele. Aécio defende a revisão do modelo pelo qual os profissionais da ilha são tratados, afirmando que é preciso dar a eles isonomia salarial.

Pelo modelo de hoje, os cubanos recebem apenas uma parte da remuneração. O restante é entregue ao governo daquele país. O tucano disse não acreditar que renegociar o contrato “inviabilize o programa” , como afirmam petistas.

Da Folhapress
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).