Inicio » Política » Política – Conselho de Ética vai votar cassação de André Vargas

Política – Conselho de Ética vai votar cassação de André Vargas

O Conselho de Ética da Câmara deverá se reunir no próximo dia 20 para votar o relatório que pede a cassação do mandato do deputado André Vargas (sem partido-PR). Vargas responde a processo por decoro parlamentar por envolvimento com o doleiro Alberto Youssef. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Política - Conselho de Ética vai votar cassação de André Vargas
Política – Conselho de Ética vai votar cassação de André Vargas

O Conselho ainda agendou para a próxima quarta-feira novos depoimentos de testemunhas indicadas pela defesa do deputado Luiz Argôlo (SD-BA), que também responde por envolvimento com Youssef.

Na última semana, o conselho ouviu o chefe de gabinete do deputado, Vanilton Bezerra, que negou a denúncia, levantada em investigações da Polícia Federal na Operação Lava Jato, de que teria recebido em sua conta bancária pessoal R$ 120 mil depositados por Youssef.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).