Inicio » Cultura MOC » Montes Claros – 14 BIS no Max-Min

Montes Claros – 14 BIS no Max-Min

No dia 6 de setembro, véspera de feriado, o Max Min Clube realiza o show da mais conceituada banda vocal/instrumental brasileira, a banda 14 Bis. Aguardado por um público fiel e ansioso por espetáculos de qualidade, o show começa a partir das 23 horas, no complexo de quadras de peteca do clube.
 

35 anos de grandes sucessos vão embalar o show da banda mineira
35 anos de grandes sucessos vão embalar o show da banda mineira

O mapa de reservas de mesas já está disponível na Secretaria do Clube, Rua Raio Christoff, 110 – Centro. Para associados, o valor da mesa para quatro lugares é R$ 300,00 e para não sócios é R$ 320,00 (buffet não incluso). Informações adicionais pelo telefone (38) 3215-1222.

O sonho real do 14 Bis
 
O 14 Bis foi criado no final do ano de 1979, por músicos que já se conheciam e alimentavam a ideia de ter uma banda brasileira nos moldes daquelas bandas internacionais que tanto influenciaram e emocionaram seus integrantes, como Beatles, Rolling Stones, Deep Purple, Yes, Led Zeppelin, Pink Floyd entre muitas outras.
 
Mas a influência não se resume a música criada fora do Brasil. O “Clube da Esquina” foi para todos do 14 Bis a prova que poderia ser criada no Brasil uma nova Música Brasileira original, popular e ao mesmo tempo sofisticada .
 
Antes da fundação do 14 Bis, era diante desse caldeirão musical que seus futuros integrantes sonhavam em gravar suas canções e atingir o sucesso. Enquanto isso não era possível trabalhavam cada um junto a um grupo ou artista diferente, sempre buscando o amadurecimento musical e profissional (Flávio e Magrão estavam no “Terço”, Hely e Vermelho no “Bendegó” e Cláudio com Lô Borges).
 
Naqueles anos, o Brasil ainda em processo de redemocratização era um país onde a formação de uma banda era vista com desconfiança pelas gravadoras. Foi com o aval de Milton Nascimento (produtor do primeiro disco) que o 14 foi contratado pela multinacional EMI Odeon para gravar o 14 Bis I, disco que rapidamente galgou as paradas com canções como Natural e Canção da América, esta uma inédita de Milton Nascimento e Fernando Brant.
 
No ano seguinte foi lançado o disco 14 Bis II, disco considerado clássico da banda com inovações harmônicas, vocais e instrumentais trazendo mais sucesso e afirmação no cenário musical brasileiro para o 14 Bis. Neste disco se destacam músicas como Planeta Sonho, Nova Manhã, Caçador de Mim, Bola de Meia entre outras. Em 1981, foi lançado o “Espelho das Águas” disco onde a banda apresentou novos ritmos e arranjos como pode-se notar em “Mesmo de Brincadeira “ um country mineiro ou “A qualquer Tempo “ um barroco mineiro, além de apresentar mais um clássico inédito de Milton e Brant, “ Nos Bailes da Vida “.
 
1982 veio com “Além Paraíso” gravado depois de uma viagem aos EUA onde a banda comprou o melhor equipamento existente à época, fato que ajudou a aprimorar ainda mais a sonoridade do disco. O grande hit foi “Linda Juventude”.Em 83, saiu “A Idade da Luz” quinto disco em menos de cinco anos, com mais um grande hit “Todo Azul do Mar”.
 
Aí, veio o sexto disco, onde o 14 experimenta e flerta com a new age (movimento musical britânico). Novas parcerias musicais e estéticas mostram que “A Nave Vai” é multifacetado desde a capa ao conteúdo. Canções como “Nuvens”, blues como “Figura Rara” e a new age “Outras Dimensões” traduzem a inquietude musical e a busca incessante do novo pelos seus integrantes.
 
O sétimo disco é o último disco de canções inéditas, composto e gravado com a formação original da banda e marca a saída de Flávio Venturini do 14 Bis para a melhor condução de uma carreira solo que já havia rendido dois discos paralelos ao trabalho da banda . A parceria com Renato Russo em “Mais uma Vez” é um grande sucesso desse trabalho.
 
Naquele mesmo ano de 1987 foi gravado o primeiro disco ao vivo do 14 Bis “14 Bis ao Vivo” ainda com a formação original. Já nos anos 90, o 14 lança “Quatro por Quatro”, disco raro no mercado que apresenta músicas como “Romance”, “O Fogo do teu Olhar”, “Dona de Mim” entre outras.
 
O décimo disco é também o primeiro gravado fora do Brasil, “Siga o Sol” foi quase todo gravado e mixado em New York refletindo bem o momento e o amadurecimento do grupo.No final nos anos 90 a banda grava o “Bis acústico” apresentando aos fans grandes sucessos da banda no formato acústico e também canções inéditas como “Sonhando o Futuro”.
 
Em 2000 a banda grava com o grupo “Boca Livre” um belo trabalho ao vivo “14bis e Boca Livre ao vivo” com clássicos das duas bandas.
 
Em 2004 o 14 lança mais um disco de músicas inéditas, “Outros Planos” onde a banda mostra novas parcerias e belas músicas como “Outono”, “Canções de Guerra” e “Constelações” entre muitas outras.

O trabalho mais recente é o CD e DVD “14BIS ao vivo”, primeiro DVD da banda contendo seus grandes sucessos e trazendo a participação de Flávio Venturini, Beto Guedes, Rogério Flausino e Marcus Vianna.
 
O 14 Bis é formado por:
Cláudio Venturini – Guitarra – Vocal
Hely Rodrigues – Bateria
Sérgio Magrão – Baixo – Vocal
Vermelho – Teclados – Vocal

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Dr. Newton Figueiredo, vice-presidente da ACI, defendeu o resgate do futebol local a partir da campanha

Montes Claros – Ação entre amigos da ACI e CDL em prol do Ateneu

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).