Inicio » Nacional » Brasil – Estado terá de pagar R$ 50 mil a mãe que deu à luz algemada

Brasil – Estado terá de pagar R$ 50 mil a mãe que deu à luz algemada

A Justiça determinou que o Estado de São Paulo deve pagar uma indenização no valor de R$ 50 mil a uma ex-detenta por danos morais. Suélem (nome fictício) foi obrigada a dar à luz algemada, no Hospital Estadual de Caieiras, na região metropolitana de São Paulo, em setembro de 2011.

Brasil - Estado terá de pagar R$ 50 mil a mãe que deu à luz algemada
Brasil – Estado terá de pagar R$ 50 mil a mãe que deu à luz algemada

Na época, a detenta cumpria pena no Centro de Detenção Provisória de Franco da Rocha. Ao sentir contrações, foi levada para o hospital e internada em trabalho de parte com seus pés e mãos algemados.

De acordo com os defensores públicos responsáveis pela ação, Patrick Cacicedo e Bruno Shimizu, “Suélem foi lesionada em sua honra e intimidade”. Eles também afirmam que “foram ultrapassados todos os limites de respeito à dignidade humana”.

Segundo a norma do governo estadual,  é “vedada, sob pena de responsabilidade, o uso de algemas durante o trabalho de parte da presa e no subsequente período de sua internação em estabelecimento de saúde”.

Na decisão, o juiz Fausto José Martins Seabra, da 3ª Vara da Fazenda Pública de São Paulo, acompanhou o entendimento da ação da Defensoria Pública. “Inegáveis as sensações negativas de humilhação, aflição e desconforto, entre outras, a qual foi submetida”, disse o juiz.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

O responsável pela cirurgia o neurocirurgião César Felipe Gusmão Santiago

Montes Claros – Santa Casa de Montes Claros realiza cirurgia inédita para retirada de tumor cerebral

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 9 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).