Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Homem é preso por manter vítima em cárcere privado no bairro Santos Reis

Montes Claros – Homem é preso por manter vítima em cárcere privado no bairro Santos Reis

Um homem foi preso na tarde desta sexta-feira (15) suspeito de manter em cárcere privado um homem por causa de dívidas relacionadas ao tráfico de drogas em Montes Claros.

Montes Claros - Homem é preso por manter vítima em cárcere privado no bairro Santos Reis
Montes Claros – Homem é preso por manter vítima em cárcere privado no bairro Santos Reis

Segindo as informações da Polícia Miliar (PM), sob supostas ameaças, a vítima ligou para um primo dele pedindo que pagasse pelo resgate.

Com o suspeito foi encontrado R$ 1 mil.

Ainda segundo a a Polícia Miliar (PM), o suspeito afirmou que a vítima estava envolvida no esquema para pedir o dinheiro ao primo.

A  Polícia Miliar (PM)  rastreia o bairro para encontrar um terceiro envolvido no esquema.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Mortes por afogamento crescem 14% em Minas Gerais

MG – Mortes por afogamento crescem 14% em Minas Gerais

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.MG – Mortes …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).