Inicio » Política » Eduardo Campos – Apenas sete drones são autorizados a voar em território nacional

Eduardo Campos – Apenas sete drones são autorizados a voar em território nacional

O Brasil possui somente sete aeronaves remotamente pilotadas, conhecidas como drones, autorizadas a voar. A colisão com um veículo desse tipo foi uma das hipóteses apontadas como causa do acidente que matou sete pessoas, entre elas o candidato à Presidência da República Eduardo Campos, nesta semana.

Vigilância. Drones como o Draganflyer X6 é usado pela polícia nos Estados Unidos
Vigilância. Drones como o Draganflyer X6 é usado pela polícia nos Estados Unidos

De acordo com a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), apenas a Polícia Ambiental de São Paulo, o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), a Polícia Federal e a empresa Xmobots têm autorização para usar esse tipo de equipamento. Alguns desses órgãos têm dois drones com o Certificado de Autorização de Voo Experimental (Cave), documento que autoriza o voo. Todos os outros operam de maneira irregular. A Anac informa ainda que a fabricação e a comercialização de drones não são proibidas no Brasil, mas a operação só é permitida com autorização da Anac e do Departamento de Controle do Espaço Aéreo (Decea).

“Não existe restrição à compra de um veículo aéreo não tripulado (Vant) por um cidadão, instituição ou empresa. Entretanto, a sua operação depende da emissão do Certificado de Autorização de Voo Experimental”, diz a Anac, em nota.

A regulamentação para operação civil dos equipamentos ainda está em discussão. A expectativa é que seja aprovada até o fim deste ano. A França foi o primeiro país a regulamentar o uso de drones. Nos Estados Unidos existe apenas uma proibição ao uso de câmeras nesses veículos, para evitar espionagem e preservar a privacidade.

Crescente. Mesmo sem regulamentação, o uso de drones vem crescendo no Brasil. Os veículos têm usos variados, que vão da captação de imagens até aplicações militares, como vigiar fronteiras, por exemplo.

 
 
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).