Inicio » Economia » Venda de imóveis novos cai 72% em junho em São Paulo

Venda de imóveis novos cai 72% em junho em São Paulo

O mercado de imóveis novos residenciais registrou a venda de 1.072 unidades em junho, queda de 72,3% diante das 3.872 residências comercializadas no mesmo mês de 2013, segundo informações divulgadas nesta quarta-feira pelo Sindicato da Habitação de São Paulo (Secovi-SP). Na comparação com maio deste ano, o recuou foi de 48,5%.

As vendas na capital paulista totalizaram 9.054 unidades no semestre, correspondendo à variação de -48,3% sobre as 17.500 unidades acumuladas de janeiro a junho de 2013.

Venda de imóveis novos cai 72% em junho em São Paulo
Venda de imóveis novos cai 72% em junho em São Paulo

Já nos outros municípios da Região Metropolitana de São Paulo, houve crescimento de 33,7% em junho na comparação anual, com 2.303 unidades comercializadas. Em relação a maio, com 1.252 unidades vendidas, a variação foi de 83,9%.

O montante comercializado na cidade de São Paulo em junho foi de R$ 547,1 milhões, 59,8% em relação ao VGV (Valor Global de Vendas) de R$ 1,36 bilhão de maio, atualizado pelo indicador INCC-DI (Índice Nacional de Custos da Construção – Disponibilidade Interna), apurado pela Fundação Getúlio Vargas (FGV).

O segmento de um dormitório liderou as vendas, com 447 unidades e participação de 41,7%. Em seguida ficaram os imóveis de 3 dormitórios, que representaram 28,1% de fatia de mercado, com 301 unidades vendidas.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).