Inicio » Economia » Governo publica oito decretos para reforma agrária

Governo publica oito decretos para reforma agrária


Reviewed by:
Rating:
5
On 26 de agosto de 2014
Last modified:17 de dezembro de 2014

Summary:

Governo publica oito decretos para reforma agrária

Governo publica oito decretos para reforma agrária
Governo publica oito decretos para reforma agrária

Um conjunto de oito decretos determinando condição de interesse social, para fins de reforma agrária, a imóveis rurais de Sergipe, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Tocantins, São Paulo e Paraíba foi publicado no Diário Oficial da União da União desta terça-feira (26). Os atos são assinados pela presidente Dilma Rousseff e pelo ministro do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto. 

Estão na lista a Fazenda Laginha, em Gararu (SE); Fazenda Nova, em Adustina (BA); Fazenda São José, em Vila Valério (ES); Fazenda Amazonas, em Crixás (GO); Fazendas Morrinho e Jacu, nos municípios de Pequizeiro e Couto Magalhães (TO); Fazenda Lagoa de Dentro, em Marcionílio (BA); Fazenda Oba, em Mirandópolis (SP); e Fazendas Angicos e Olho D’Água, nos municípios de Campina Grande e Boa Vista (PB).

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).