Inicio » Internacional » África » África – Senegal registra primeiro caso de ebola

África – Senegal registra primeiro caso de ebola


Reviewed by:
Rating:
5
On 29 de agosto de 2014
Last modified:17 de dezembro de 2014

Summary:

África - Senegal registra primeiro caso de ebola

O governo do Senegal anunciou nesta sexta-feira (29) que foi registrado no país o primeiro caso de contágio pelo vírus ebola, que já provocou 1.552 mortes na África Ocidental. O paciente, hospitalizado na capital Dacar, é um jovem da Guiné-Conacri que viajou recentemente para o Senegal e que foi submetido a exames depois de ter sentido os sintomas da doença.

Doença é transmitida por contato direto com o sangue, secreções ou fluidos corporais de pessoas infectadas
Doença é transmitida por contato direto com o sangue, secreções ou fluidos corporais de pessoas infectadas

Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter

A Organização Mundial da Saúde já contabilizou 3.069 casos de ebola, incluindo 1.552 mortes, em quatro países da África Ocidental, de acordo com o último balanço. A febre hemorrágica é uma doença infecciosa grave, causada pelo vírus ébola, identificada pela primeira vez em 1976 na República Democrática do Congo (antigo Zaire), perto do Rio Ebola. A doença é transmitida por contato direto com o sangue, secreções ou fluidos corporais de pessoas infectadas. Ainda não existe tratamento, nem vacina certificada.

Agência Brasil

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).