Inicio » Mais Seções » Beleza » Beleza – Óleo de amêndoas deve ser usado em produto capilar

Beleza – Óleo de amêndoas deve ser usado em produto capilar

Presente na composição de inúmeros produtos capilares, não é novidade que o óleo de amêndoas é um poderoso hidratante. Mas o que talvez nem todos saibam é que o produto não deve ser usado in natura diretamente nos fios.

Tratamento com óleos de amêndoas reduz o volume e acaba com o frizz
Tratamento com óleos de amêndoas reduz o volume e acaba com o frizz

Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter

O hair stylist Ricardo Moçali, do salão Werner Coiffeur, no Rio de Janeiro, não aconselha a aplicação do óleo dessa forma em casa, sem orientação. “Não aconselho passar (o óleo) in natura nos fios, isso pode deixar o cabelo gorduroso. Mas existem produtos, como o usado em tratamentos aplicados no salão, que possuem o óleo em sua fórmula”, explica o profissional.

Linha com óleo de amêndoas em sua formulação proporciona brilho intenso, hidratação, recuperação da cutícula danificada e ainda ajuda na reconstrução do cabelo. O produto é indicado para manter a umectação capilar: “Ele mantém a umidade interna do fio e, consequentemente, ajuda a controlar o frizz. O mercado sempre lança novos ativos, como o ojon e o argan, mas o bom e velho óleo de amêndoas é imbatível para formar uma película protetora”.

Canarinho Press
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).