Inicio » Política » Eleições 2014 » Eleições 2014 – Dilma reage a Marina e garante apoio à instituições religiosas

Eleições 2014 – Dilma reage a Marina e garante apoio à instituições religiosas

Para tentar conter o avanço da candidata à Presidência Marina Silva (PSB), a presidente Dilma Rousseff tem elaborado uma série de medidas que incluem o atendimento das bandeiras evangélicas no Congresso, principalmente o apoio à Lei Geral das Religiões.  As informações são do jornal “Folha de São Paulo”.

O Palácio do Planalto pretende desengavetar um projeto proposto em 2009, que está parado há mais de um ano em uma comissão do Senado e concede benefícios à instituições religiosas
O Palácio do Planalto pretende desengavetar um projeto proposto em 2009, que está parado há mais de um ano em uma comissão do Senado e concede benefícios à instituições religiosas

Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter

O Palácio do Planalto pretende desengavetar um projeto proposto em 2009, que está parado há mais de um ano em uma comissão do Senado e concede benefícios à instituições religiosas, entre eles tributários. 

Esta será a primeira medida adotada pelo governo Dilma que garantirá o status de urgência à proposta, permitindo pular etapas de tramitação, além de ganhar prioridade de votação. A iniciativa tem o propósito de desarticular a adesão das igrejas pentecostais à campanha da candidata do PSB, que é evangélica.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).