Inicio » Mais Seções » Motor – Yamaha R1 2015

Motor – Yamaha R1 2015

Falar de conforto em uma moto superesportiva é difícil. O piloto tem de se “sacrificar” fisicamente para obter o melhor desempenho possível. A Yamaha YZF R1 não é exceção: posição avantajada de condução quase se confunde com o guidão, e o assento é próximo ao mesmo nível da roda traseira. A embreagem é dura, o raio de giro é limitado, e o calor do motor vai diretamente para as pernas. A cidade não é o melhor ambiente. Mas, uma vez na estrada, tudo começa a fazer sentido.

Modelo da Yamaha tem 182 cv e a impressionante relação peso/potência de 1,01 kg/cv
Modelo da Yamaha tem 182 cv e a impressionante relação peso/potência de 1,01 kg/cv

Siga-nos no Facebook Siga-nos no Twitter

A aceleração é forte, e a moto joga o piloto para trás, fazendo com que tenha de se segurar nos manetes com toda a força. O comportamento é completamente brutal. Alguém poderia pensar que a cada mudança de marcha a força de aceleração diminui um pouco. Mas na R1 continua a empurrar mais e mais, com um poder infinito. Os primeiros 100 km/h chegam em apenas 3 segundos, e a velocidade máxima ultrapassa os 270 km/h. Felizmente, os freios têm “poderes” iguais aos de desempenho e “brecam” a moto perfeitamente – permitindo que se aperte o manete totalmente com a confiança de que a roda da frente nunca irá travar.

Uma vez acostumado – se for possível se habituar com tamanha violência – com a resposta do acelerador, a R1 mostra, depois de algumas curvas, o quão fácil é domá-la. O equilíbrio é peça-chave – embora o controle de tração tenha atuado diversas vezes para a roda traseira não patinar durante a aceleração – a moto é bem “plantada” ao chão e parece andar sobre trilhos. A suspensão consegue absorver bem as imperfeições do asfalto, e as mudanças de direção são feitas com segurança. O som “rouco” do escape é viciante, pois lembra os motores 12 cilindros de antigamente. Com a diferença de que na R1 é possível chegar a 12,5 mil rpm.

Mecânica

O motor da YZF R1 usa um virabrequim do tipo crossplane, que faz os pistões se movimentarem de forma linear. Desse modo, enquanto o pistão de uma das extremidades está no ponto morto superior, seu oposto encontra-se em ponto morto inferior. Ao mesmo tempo, os dois centrais estão no meio do caminho, um com movimento de subida e o outro de descida. Isso favorece a distribuição de torque. Ela tem 182 cv a 12,5 mil rpm. Como o modelo tem 184 kg de massa, a relação peso/potência é de impressionante 1,01 kg/cv. O câmbio é manual de seis marchas. O torque é de 11,8 kgfm a 10 mil rpm. O propulsor tem quatro cilindros em linha, 16 válvulas, 998 cm³ de cilindrada e refrigeração líquida.

Moto GP

Das pistas, originou-se o controle de tração com sete níveis de intervenção, que, segundo a marca, mantém a regularidade tanto nas entradas quanto nas saídas das curvas. Com o ajuste menos intromissivo, já se obtêm altas doses de esportividade. Já o modo que mais intervém na pilotagem corrige todos os desequilíbrios de trajetória. Há ainda a opção de desligar o equipamento.

Preço e mercado

No Brasil, a R1 custa R$ 65,5 mil. O lançamento mundial aconteceu em 2009, e a chegada ao mercado nacional se deu em 2010. A produção ocorre em Shizuoka, no Japão.

As principais concorrentes da R1 também são japonesas. A Honda CBR 1000 RR Fireblade produz 178 cv de potência, 11,4 kgfm de torque e sai por R$ 62 mil na versão com freios ABS. A Suzuki GSX-R 1000 entrega 185 cv e 11,9 kgfm, por R$ 58.900, mas não tem ABS. E a Kawasaki ZX-10R tem 200 cv de potência, 11,4 kgfm de torque e custa R$ 61.990 

PALIMOTOS – YAMAHA – MONTES CLAROS
PALIMOTOS – YAMAHA – MONTES CLAROS

Venha visitar nossa loja e se apaixonar por uma YAMAHA, nós temos o melhor produto do mercado com o menor preço da região. Você pode solicitar também a visita de um executivo de vendas pelo telefone 3216-1333 e nós iremos ate você para melhor lhe atender!! Viva o novo, viva uma YAMAHA.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).