Inicio » Política » Dilma teria sido alertada sobre possíveis irregularidades na Petrobras

Dilma teria sido alertada sobre possíveis irregularidades na Petrobras

Em 2012, quando Paulo Roberto Costa deixou a Diretoria de Abastecimento da Petrobras, a estatal teria alertado a presidente Dilma Rousseff (PT) sobre a liberdade de ação acima do desejável de algumas diretorias; o que geraria um terreno fértil para irregularidades. É o que revela notícia da Folha de S. Paulo desta quarta-feira (10).

Dilma teria sido alertada sobre possíveis irregularidades na Petrobras
Dilma teria sido alertada sobre possíveis irregularidades na Petrobras

O assunto voltou à tona agora, depois que trechos da delação premiada de Costa se tornarem públicos, mostrando o que pode ser um novo esquema de desvio de dinheiro público para compra de apoio político no Congresso que pode envolver os presidentes da Câmara, Henrique Eduardo Alves (PMDB), e do Senado, Renan Calheiros (PMDB), e o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos (PSB).

Paulo Roberto Costa foi diretor da Petrobras entre 2004 e 2012, e saiu em uma reformulação da empresa que Dilma pediu à nova presidente Graça Foster. Ele tinha proximidade com políticos do PP, PMDB e PT.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).