Inicio » Montes Claros » Montes Claros – Nesta semana, indústrias são capacitadas para lidar com situações de emergências‏

Montes Claros – Nesta semana, indústrias são capacitadas para lidar com situações de emergências‏

Como as empresas e indústrias estão preparadas para gerenciar situações de emergência? Quais as ações imediatas a tomar em acidentes como quedas de altura, vazamentos químicos e desmoronamentos? As ações para gerenciar estas e outras situações emergenciais serão discutidas e apresentadas no Fórum SMS de Saúde e Segurança, que acontece em Montes Claros, nos dias 19 e 20 de setembro, no auditório do Senac, a partir das 8 horas.
 
O objetivo do fórum é informar e capacitar os participantes para identificar, analisar e preparar sua empresa para gerenciar emergências.
 
Indústrias que lidam com processos de alto risco como geradoras de energia, óleo e gás mineração, siderúrgica e metalúrgica pesada, usinas de álcool, entre outras, estão em sua maioria, localizadas em áreas longe de centros urbanos. Muitas delas em localidades que dispõem de poucos ou nenhum dos recursos públicos e ou privados adequados para atendimentos às possíveis emergências em suas instalações.
 
A capacitação dos profissionais que lidam com os procedimentos de emergências, como as brigadas de incêndios, é fundamental para a avaliação de riscos e perigos e definição de hipóteses e procedimentos formalizados em planos de emergências. 
 

Para Jorge Alexandre Alves, a norma NBR 14276 recomenda que, para ser instrutor de brigada, o profissional necessita ter capacitação específica de maneira formal com carga horária de acordo com o perfil de risco da planta a qual será formada a brigada.
Para Jorge Alexandre Alves, a norma NBR 14276 recomenda que, para ser instrutor de brigada, o profissional necessita ter capacitação específica de maneira formal com carga horária de acordo com o perfil de risco da planta a qual será formada a brigada.

Ainda existe uma parcela significativa de indústrias de alto risco que não estão preparadas para um evento maior de emergência em suas instalações, contanto somente com as medidas básicas e obrigatórias de prevenção e com a sorte da disponibilidade de um serviço externo para o atendimento de emergências em suas instalações.
 
Para Jorge Alexandre Alves, a norma NBR 14276 recomenda que, para ser instrutor de brigada, o profissional necessita ter capacitação específica de maneira formal com carga horária de acordo com o perfil de risco da planta a qual será formada a brigada. “Cerca de 90% das cidades do Brasil não têm Corpo de Bombeiros, e mesmo havendo corporação na localidade, existe a possibilidade da equipe não dispor de recursos materiais específicos e em quantidade compatível para o controle ou não dispor de recursos humanos em quantidade suficiente para esses atendimentos. Na maioria das vezes, o Corpo de Bombeiros não conhece os processos da indústria. Numa situação de emergência, esses bombeiros ficam sob o risco de se tornarem vítimas dentro de um incêndio industrial”, alerta o paramédico Jorge Alexandre, especialista em programas de atendimentos a emergências nas áreas de Incêndio, Resgate, Produtos Perigosos, Salvamento, Emergências Medicas nos níveis Básico e Avançado e Emergências Ambientais. 
 
Programação
 
19 de setembro – 8h / 17h30
Treinamento
Prevenção e Combate a Incêndio para Plantas Industriais, Mineração, Logística e Agronegócio – Jorge Alexandre Alves
Principais hipóteses acidentais de incêndios.  Fundamentos de Técnicas para Controle de incêndios em plantas industriais, mineração, logística, e agronegócio. Plano de Atendimento a Emergência (PAE) e Plano de Ajuda Mútua (PAM). Armazenagem de inflamáveis: requisitos da NR-20.
 
20 de setembro – 8h / 17h30
Workshop Segurança Industrial
Palestras
 
Gestão de Cenários Emergenciais – Jorge Alexandre Alves – Diretor Técnico Fire&Rescue
O que são cenários emergenciais; emergências médicas, químicas e ambientais; emergência biológica e biossegurança; emergências em unidades e alta tensão; abalos sísmicos; como identificar, analisar e preparar sua empresa para gerenciar emergências.
 
Gestão de SSO para Grandes Obras – Gustavo Alcântara – Diretor Técnico – SMS Consultores Associados
Cenário da construção no Brasil e no Norte de MG. Estatística de acidente; Requisitos legais de SSO; Porque um sistema de gestão de SSO para obras; O sistema SI-SSO da SMS Consultores.
 
E-social e SSO: Como sua empresa pode se preparar – Neyton Souto – Diretor de Negócios – SMS Consultores Associados
O que é e-social; quais são as implicações para sua empresa; qual é a relação entre e-social e Saúde e Segurança; quais são os riscos empresariais; como você pode se preparar para atender os requisitos legais
 
As inscrições para o Fórum SMS de Saúde e Segurança podem ser feitas na sede da SMS Consultores Associados, à Rua Edmundo Dias 60, Centro, das 8 às 17 horas. Os interessados podem obter mais informações sobre o evento pelos telefones (38) 3084-7344 / 3082-9207 / 9198-7271

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Norte de Minas - Mirabela recebe encontro de carros antigos neste domingo

Norte de Minas – Mirabela recebe encontro de carros antigos neste domingo

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Norte de Minas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).