Inicio » Política » Eleições 2014 » Eleições 2014 – “PT acaba com a credibilidade do IBGE”, diz Aécio Neves

Eleições 2014 – “PT acaba com a credibilidade do IBGE”, diz Aécio Neves

Ao comentar o erro assumido nesta sexta-feira (19) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) na Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad), o candidato do PSDB à Presidência, Aécio Neves, classificou de “impressionante o dano que o governo federal vem causando às instituições do País”. Em nota encaminhada pela assessoria do tucano, o candidato diz que “na ânsia de se manter no poder, o governo não hesita sequer em colocar em xeque instituições que são guardiãs da memória e da sociedade brasileira”.

Eleições 2014 - "PT acaba com a credibilidade do IBGE", diz Aécio Neves
Eleições 2014 – “PT acaba com a credibilidade do IBGE”, diz Aécio Neves

No início da noite desta sexta-feira, o IBGE confirmou “erros extremamente graves” em dados de sete Estados na Pnad, divulgados na quinta-feira (18). Com a correção dos dados e alterações no índice de Gini – o indicador que mede a concentração de renda no País – , a desigualdade social teria apresentado queda discreta em 2013.

Na nota, Aécio relembra o erro recente na pesquisa do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), quando levantamento sobre violência contra mulheres também precisou ser corrigido. Nas palavras do senador, a “pressão do governo sobre os pesquisadores e demais profissionais de institutos como o IBGE e Ipea e o sucateamento desses acabam colocando em dúvida todos os dados apresentados, inclusive, e sobretudo, os positivos”. “Os erros não são pequenos. É o governo do PT acabando com a credibilidade de nossas mais sérias e conceituadas instituições” afirmou Aécio.

Agência Estado

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).