Inicio » Internacional » Oriente Médio – Interpol procura austríacas que teriam se unido ao Estado Islâmico

Oriente Médio – Interpol procura austríacas que teriam se unido ao Estado Islâmico

A Interpol e a polícia da Áustria procuram por duas adolescentes austríacas que teriam fugido do país para se juntar a rebeldes do grupo radical Estado Islâmico na Síria. Na página da Interpol, as fotos de Samra Kesinovic, 16, e Sabina Selimovic, 15, são divulgadas na sessão de pessoas desaparecidas. Nas imagens, as jovens, que são filhas de imigrantes da Bósnia, aparecem usando véu islâmico.

Sumiço. Samra Kesinovic, 16, que é filha de bósnios e fugiu de Viena em abril, postou foto com véu
Sumiço. Samra Kesinovic, 16, que é filha de bósnios e fugiu de Viena em abril, postou foto com véu

Segundo a Interpol, as jovens, que moram em Viena, teriam desaparecido no dia 10 de abril. Jornais austríacos afirmam que a dupla foi para a Turquia e, de lá, cruzou a fronteira com a Síria. Elas postaram fotos em redes sociais usando burca e segurando armas.

No início da semana, o jornal “The Salzburger News” publicou uma notícia de que uma das jovens poderia estar morta. “Nós também recebemos essa informação e estamos verificando, mas não posso dizer com absoluta certeza que isso é verdade”, disse o porta-voz Alexander Marakovits, sem relatar qual das duas jovens seria.

Após a publicação, surgiram boatos de que Samra estaria grávida de um jovem checheno que também teria se juntado aos radicais islâmicos.

Preocupação. A maior preocupação das autoridades austríacas é conter a debandada de jovens, especialmente imigrantes vindos do Leste Europeu, para se juntar ao Estado Islâmico.

A Justiça alemã acusou um homem e duas mulheres por suposto apoio ao Estado Islâmico. Promotores federais informaram ontem em um comunicado que a principal suspeita, a cidadã alemã e polonesa Karolina R., 25, seria casada com um membro do grupo extremista. Ela é acusada de fornecer ao grupo câmeras e acessórios para produzir propaganda e receber em troca € 1.100 (R$ 3.341) por meio de um intermediário.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).