Inicio » Mais Seções » Google pretende lançar busca associada ao que passa na TV

Google pretende lançar busca associada ao que passa na TV

Ainda não é realidade, mas o Google já registrou a patente que faz a integração do conteúdo transmitido via televisão ao seu mecanismo de busca. Na prática, quando o usuário procurar por uma palavra no sistema de busca do Google, o resultado vai apresentar também programas exibidos sobre aquele conteúdo em determinada área e horário.

Google pretende lançar busca associada ao que passa na TV
Google pretende lançar busca associada ao que passa na TV

Segundo a empresa,  quanto mais específica a expressão a ser procurada, melhor direcionado será o conteúdo. O objetivo da nova ferramenta é distinguir o que  o espectador gosta de assistir,  associando esses dados a uma busca mais detalhada e melhor direcionadas na página do Google.

Quanto mais avançado o novo método de rankeamento, melhor a performance e, mais informações de cada usuário para possíveis sugestões, que podem ser  desde programas televisivos até vendas focadas em um consumidor em potencial.

Ainda não há uma data prevista para a implantação da nova ferramenta. 

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

MG - Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

MG – Jovem inventa que mãe está passando mal para estuprar vizinha

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 5 de dezembro de 2016.MG – Jovem …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).