Inicio » Mais Seções » Motor – Yamaha XT 1200Z Super Ténéré ganha melhorias

Motor – Yamaha XT 1200Z Super Ténéré ganha melhorias

Ténéré é uma região que os pilotos do extinto e famoso rali Paris-Dakar consideram das mais perigosas do deserto do Saara, na África. O termo também foi escolhido pela Yamaha para batizar sua gama mais alta de motos trail, que surgiu em 1983. E agora, 31 anos depois, o Brasil se tornou o primeiro país a produzir a família inteira fora do Japão. Entre os modelos, está o mais potente deles: XT 1200Z Super Ténéré.

Yamaha XT 1200Z Super Ténéré
Yamaha XT 1200Z Super Ténéré

Nessa “nacionalização”, a SuperTénéré ganhou um “update” eletrônico, novos grafismos e cores. Ela também passa a ser vendida em duas versões. A Standard custa R$ 55.990 e vem de série com piloto automático, ajuste de bolha, piscas em LED, indicador de marcha, suporte para GPS, bagageiro triplo e computador de bordo. Ainda traz itens de segurança como controle de tração em dois níveis e sistema de freios ABS. O para-brisa foi redesenhado para dar mais proteção contra o vento e menos poluição sonora. A posição do guidão está 10 mm mais próxima ao piloto para incrementar o conforto na pilotagem.

Já a configuração Deluxe é a mais dispendiosa: R$ 61.990. Porém ela traz a principal novidade da bigtrail. Trata-se de uma suspensão eletrônica controlada por um comando situado no guidão, com quatro posições pré-programadas e outras 14 ajustáveis. Outro recurso desta versão é o aquecedor de manopla e os freios ABS com o chamado UBS – sistema de unificação de freios –, que é o já conhecido sistema de combinação de frenagem nas duas rodas.

A versão 2015 ainda passou por um retrabalho na engenharia da Yamaha, que fez pequenas mudanças no motor de 1.199 cc, dois cilindros em linha, quatro válvulas e duas velas por cilindro, comando duplo no cabeçote e refrigeração líquida. Agora são 112 cv – 2 cv a mais – a 7.250 rpm e 11,9 kgfm de torque a 6.000 giros – ganho de 0,3 kgfm. A transmissão de seis marchas move a roda traseira por um eixo cardã. Ainda traz o Yamaha Chip Controlled Throttle (YCC-T), que controla melhor a resposta do acelerador eletrônico e entrega a potência e o torque de uma forma mais suave para dar maior controle a quem pilota. Ambas as versões podem ser compradas na cores cinza e azul.

Impressões

O que chama a atenção logo de cara na Yamaha XT 1200Z Super Ténéré é que, apesar de ser uma motocicleta grande e pesada, ela é muito fácil de manejar. O ângulo de viragem é bastante amplo, e a posição de pilotar mais elevada é uma das mais cômodas do segmento. Já a resposta do motor é imediata e melhora com a subida dos giros. O novo para-brisa está mais aerodinâmico e permite viajar por longos períodos sem o incômodo de ruídos.

Outro ponto positivo da Super Ténéré é sua autonomia. É possível rodar até 400 km com um único tanque. Tanto na cidade quanto na estrada, a bigtrail da Yamaha surpreende. O comportamento em baixas e altas velocidades é impressionante. Ela “gruda” no chão e permite ao piloto desfrutar de caminhos mais sinuosos.

Venha visitar nossa loja e se apaixonar por uma YAMAHA, nós temos o melhor produto do mercado com o menor preço da região. Você pode solicitar também a visita de um executivo de vendas pelo telefone 3216-1333 e nós iremos ate você para melhor lhe atender!! Viva o novo, viva uma YAMAHA.

PALIMOTOS – YAMAHA – MONTES CLAROS
PALIMOTOS – YAMAHA – MONTES CLAROS
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).