Inicio » Mais Seções » Facebook recebe aprovação da UE para compra do WhatsApp

Facebook recebe aprovação da UE para compra do WhatsApp


Reviewed by:
Rating:
5
On 4 de outubro de 2014
Last modified:4 de outubro de 2014

Summary:

Facebook recebe aprovação da UE para compra do WhatsApp

O Facebook recebeu nesta sexta-feira aprovação da União Europeia para a compra da companhia de mensagens entre dispositivos móveis WhatsApp por US$ 19 bilhões, em um acordo que coloca a maior rede social do mundo contra a indústria de telecomunicações.

A Comissão Europeia disse que o acordo entre o Facebook e o WhatsApp não prejudica a competição com as operadoras de telefonia
A Comissão Europeia disse que o acordo entre o Facebook e o WhatsApp não prejudica a competição com as operadoras de telefonia

O WhatsApp está posicionado para se tornar um potencial concorrente poderoso para companhias como Deutsche Telekom, Orange e Telecom Italia, com seu plano de adicionar chamadas de voz gratuitas para seus 450 milhões de usuários ainda neste ano.

O negócio é o maior dos 10 anos de história do Facebook e dará à companhia uma forte presença no mercado de rápido crescimento de mensagens móveis. A Comissão Europeia disse que o acordo entre o Facebook e o WhatsApp não prejudica a competição.

“Analisamos cuidadosamente essa aquisição proposta e chegamos à conclusão de que não vai prejudicar a concorrência neste mercado crescente e dinâmico. Os consumidores continuarão a ter uma ampla escolha de aplicativos de comunicação”, disse o comissário responsável por competição da UE, Joaquín Almunia.

Reguladores dos Estados Unidos aprovaram o acordo em abril.

O WhatsApp e rivais como KakaoTalk, WeChat e Viber têm nos últimos anos conquistado clientes das operadoras de telecomunicações, representando uma séria ameaça às receitas do setor com transmissão de mensagens, que totalizou cerca de US$ 120 bilhões no ano passado, segundo a empresa de pesquisa de mercado Ovum.

Reuters

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).