Inicio » Mais Seções » Google investirá US$400 mi em cabo de fibra óptica submarino entre Brasil e EUA

Google investirá US$400 mi em cabo de fibra óptica submarino entre Brasil e EUA

O Google investirá 400 milhões de dólares com empresas latino-americanas para construir um cabo de fibra óptica submarino entre os Estados Unidos e o Brasil para aumentar a qualidade do acesso à internet na região, disse o governo do Uruguai nesta sexta-feira.

A capacidade de transmissão será de pelo menos 64 Tb/s (terabits por segundo)
A capacidade de transmissão será de pelo menos 64 Tb/s (terabits por segundo)

A obra, que estará operando no final de 2016, aumentará a largura de banda para 64 terabits por segundo, respondendo às demandas de modernização tecnológica na América Latina, onde o número de 300 milhões de usuários está crescendo rapidamente.

“Este investimento faz parte de um esforço conjunto para construir a malha da Internet, preparando nosso país e a região para o aumento da demanda”, disse o governo uruguaio em comunicado.

O projeto também envolveu a Algar Telecom Brasil, a estatal uruguaia Antel e o operador internacional Angola Cables.

A empresa TE Connectivity SubCom implantará o projeto, que ligará Boca Raton, na Flórida, a Santos e Fortaleza, no Brasil, por meio de um cabo de 10.556 quilômetros, disse o comunicado.

(Reportagem de Malena Castaldi) – Reuters

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).