Inicio » Nacional » Brasil – Polícia Civil prende 47 pessoas por envolvimento em abortos no Rio e em São Paulo

Brasil – Polícia Civil prende 47 pessoas por envolvimento em abortos no Rio e em São Paulo

A Corregedoria Interna da Polícia Civil do Rio prendeu, na manhã desta terça-feira (14), 47 pessoas envolvidas com a prática de aborto no Estado.

Brasil - Polícia Civil prende 47 pessoas por envolvimento em abortos no Rio e em São Paulo
Brasil – Polícia Civil prende 47 pessoas por envolvimento em abortos no Rio e em São Paulo

Entre os presos, há três médicos, quatro policiais civis, dois policiais militares e um bombeiro. Cinco pessoas que integrariam o esquema já estavam detidas.

A Justiça concedeu 75 mandados de prisão contra os integrantes da quadrilha que atuaria na capital e em cidades da região metropolitana do Rio.

Os policiais tentam encontrar 28 pessoas que estariam envolvidas no esquema. Entre os procurados há ainda médicos e até um militar do Exército.

A operação policial acontece desde o início da manhã em diferentes pontos do Rio e nos Estados de São Paulo e Espírito Santo. Além de policiais civis, representantes da Corregedoria da PM e Exército participam da ação.

De acordo com os policiais da Corregedoria, os integrantes da quadrilha cobravam até R$ 7.500 por cada procedimento.

Folhapress
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).