Inicio » Nacional » Brasil – Polícia desarma homem que fez mulher de refém em Brasília

Brasil – Polícia desarma homem que fez mulher de refém em Brasília

Um homem armado com faca fez uma mulher refém em frente ao Palácio do Buriti, sede do governo do Distrito Federal, no fim da manhã desta terça-feira (4). O Batalhão de Operações Especiais conseguiu desarmar o homem, que foi levado para a delegacia. A refém, identificada como Jurema, seguiu para o hospital, mas não ficou ferida.

Brasil - Polícia desarma homem que fez mulher de refém em Brasília
Brasil – Polícia desarma homem que fez mulher de refém em Brasília

Antes de ameaçar a refém, o homem já tinha invadido a entrada do Palácio com um carro. Ele desceu do veículo e tentou quebrar as janelas de vidro do edifício. Ao ser abordado por seguranças, correu em direção ao ponto de ônibus em frente ao Palácio e fez a mulher refém.

Policiais do Batalhão de Operações Especiais se dirigiram ao local para negociar a rendição. Segundo a polícia, o homem dizia frases sem nexo e salivava em excesso. Ele foi atingido por balas de borracha, mas foi retirado com vida e levado para a delegacia. A mulher correu quando a polícia abriu fogo e não se feriu.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).