Inicio » Educação » Enem 2014 – Publicidade infantil é tema da redação do Enem 2014

Enem 2014 – Publicidade infantil é tema da redação do Enem 2014


Reviewed by:
Rating:
5
On 9 de novembro de 2014
Last modified:15 de dezembro de 2014

Summary:

Enem 2014 - Publicidade infantil é tema da redação do Enem 2014

O tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem 2014) foi Publicidade infantil em Questão no Brasil, conforme divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Este domingo (9) é o segundo dia de prova do exame e também o mais temido por muitos candidatos, justamente pela elaboração da redação.

Enem 2014 - Publicidade infantil é tema da redação do Enem 2014
Enem 2014 – Publicidade infantil é tema da redação do Enem 2014

As provas começaram a ser aplicadas em todo o país às 12h (horário local) e terão cinco horas e 30 minutos de duração. Além da redação, os candidatos terão que responder a questões de linguagens e códigos e matemática.

Alguns cuidados devem ser tomados pelo estudante neste domingo. As redações com sete linhas ou menos receberão nota zero. A estrutura deve ser dissertativo-argumentativa, ou seja, os candidatos devem expor argumentos relacionados ao tema da redação, elaborando-os de forma consistente e coerente.

A proposta de redação do Enem sempre vem acompanhada de textos que podem servir de motivação para que os candidatos elaborem seus próprios textos. No entanto, o estudante não deve se restringir às ideias ali apresentadas, copiar trechos ou torná-los parte de sua argumentação. Tais procedimentos podem fazer com que o candidato perca pontos na avaliação de competências. Aquele que fizer qualquer brincadeira ou deboche vai tirar zero.

Todos os anos, a redação é alvo de disputas na Justiça, pois as notas não são passíveis de recurso. O Inep divulga o espelho da redação para fins pedagógicos, para que o estudante saiba a nota que tirou em cada competência.

Por Mariana Tokarnia, da Agência Brasil

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).