Inicio » Esporte » Futebol – Museu Pelé de R$ 50 mi fracassa e espera “sobrevida” em 2015

Futebol – Museu Pelé de R$ 50 mi fracassa e espera “sobrevida” em 2015

Os quase R$ 50 milhões investidos para a construção do Museu Pelé, um dos maiores empreendimentos da história recente da cidade de Santos, localizado no bairro do Volongo, região central, ainda não foram justificados em resultados. O local que leva o nome do Rei do Futebol fecha no vermelho devido ao pouco público, em constante diminuição desde a sua inauguração, em 15 de junho deste ano, na véspera da abertura da última Copa do Mundo, sediada no País. Os envolvidos esperam por uma guinada para 2015.

Museu lotado em sua inauguração, em 15 de junho deste ano
Museu lotado em sua inauguração, em 15 de junho deste ano

“Percebemos, após a Copa, que houve um reflexo bom, mas não no volume ideal. O que observamos é que agosto, por exemplo, já foi um mês fraco. Quando digo fraco não é só para o Museu, mas em outros jogos de futebol e nos estádios. Creio que houve uma ressaca de futebol devido a frustração com a Seleção (Brasileira)”, disse o secretário de turismo da cidade, Luiz Dias Guimarães, ao Terra.

Se no primeiro mês de funcionamento, até 15 de julho, o museu recebeu 23.960 visitantes, o último balanço, entre 16 de setembro a 15 de outubro, registra a maior baixa, 4.771. No período anterior, entre 16 de agosto a 15 de setembro, foram 6.127.

A prefeitura reconhece o consequente déficit mensal devido ao alto custo operacional com a manutenção de equipamentos e funcionários. A gestão, no entanto, é feita pela AmaBrasil, atual detentora do acervo de Pelé, que precisa arcar com o prejuízo momentâneo. Estima-se que seja necessário cerca de R$ 200 mil mensais para manter o local.

“Temos essa dificuldade hoje, é verdade, mas quero lembrar que não dependemos só de bilheteria, contamos com patrocínios e promoção de eventos, também. O museu faz eventos corporativos, infantis, enfim, é um espaço de entretenimento. Temos ainda um salão para 400 pessoas, que nos permite explorar isso e ajudará a fechar a conta desse custo operacional. Creio que até dezembro anunciaremos alguns novos parceiros e, em janeiro, teremos novos recursos para que o custo não seja maior do que a arrecadação”, explicou José Eduardo Moura, coordenador da Ama.

Para se ter uma ideia, a exposição de acervo do atleta do século ainda perde por muito para pontos turísticos conhecidos na cidade, considerado como atrativos para famílias, como o Orquidário e o Aquário Municipal. O primeiro levou no último mês 17.594 visitantes, enquanto o segundo 41.546.

Um dos cenários apontados como vilões foi a curta divulgação para a própria inauguração às vésperas da Copa do Mundo. A necessidade do cumprimento do prazo, após o adiamento da data oficial, atrapalhou.

“Sem dúvida (a divulgação afetou até agora). A inauguração do museu foi notícia em 45 países, teve uma repercussão fantástica, mas foi pontual, somente da inauguração. Agora, precisamos trabalhar várias frentes para recuperar”, argumentou o secretário.

“Com relação ao Aquário e Orquidário são públicos diferentes. O Museu atinge um público mais específico, interessado em futebol, no Pelé e de fora da cidade. São equipamentos que custam mais barato e você vai várias vezes no ano. O orquidário é outro tipo de público, que quer contemplação, apaziguamento, um parque. E esses dois atraem muito os santistas. O museu é mais para turistas”, completou.

Oficialmente, o Museu Pelé conta com o apoio financeiro do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), além de 29 empresas envolvidas entre cotas maiores e menores de patrocínio. Para ser construído, contou com a captação de recursos junto à iniciativa privada e estadual, que cedeu o imóvel de mais de 400 m². O local ainda termina algumas obras, uma delas a Sala do Rei, em que Pelé receberá visitas de figuras ilustres, além do lugar de armazenamento das peças não utilizadas no acervo. Menos de 6%, cerca de 180, está em exposição.

Pelé inaugurou museu em Santos com peças de sua carreira
Pelé inaugurou museu em Santos com peças de sua carreira

Para melhorar…
A esperança da prefeitura de Santos de melhoria no público para 2015 passa pelo início da temporada de cruzeiros marítimos na cidade, as promoções nos ingressos e, principalmente, a presença de Pelé.

“O museu é novo, tem só quatro meses e precisa de uma maturação, uma divulgação contínua maior. Muita gente nem sabe da sua existência. Tem o boca a boca, claro, mas essa temporada vai ser muito importante para a vida do museu. Vamos ter um volume de visitação dentro do que esperamos e gostaríamos de aproveitar o público dos cruzeiros marítimos, que tem demonstrado grande interesse pelo Pelé. Prevemos um movimento de quase 800 mil pessoas nessa temporada e o nosso empenho será para seduzi-los através de ampla informação nos navios, de operadores. Estamos nos organizando”, disse Luiz Guimarães.

Os ingressos também são alvo de críticas pelo alto valor: R$ 18 . A prefeitura e a administração do local se defendem alegando que a meia-entrada, R$ 9, diferente de outras atrações é estendida até crianças de dez anos. Além disso, uma série de parcerias para gratuidades e promoções tem sido feitas, principalmente para as escolas da região.

A presença de Pelé, por sua vez, é esperada com mais assiduidade para o próximo ano. A prefeitura diz que ele tem visitado periodicamente o local, acompanhado as obras de sua sala, mas acredita que as suas aparições poderão ficar mais intensas devido a compromissos contratuais que diminuirão.

“Ele tem sido presente, veio na semana passada, inclusive, e só não tem vindo com frequência maior porque a sua sala ainda está sendo montada. Mesmo assim, tem ajudado o arquiteto, discutido detalhes. O Pelé tem uma agenda muito complicada, com compromissos intensos, então nem sempre pode, mas ele está com essa ideia, disposto a participar mais já que alguns compromissos contratuais vão diminuir”, concluiu Guimarães.

Nesta quarta-feira, o eterno camisa 10 estará no Museu para a inauguração do livro “Museu Pelé: Restauração e Legado”, quando fará um breve pronunciamento à imprensa.

K.R.C.DE MELO & CIA. LTDA – ME
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).