Inicio » Política » Marta Suplicy entrega carta de demissão ao Planalto, diz colunista

Marta Suplicy entrega carta de demissão ao Planalto, diz colunista

A ministra da Cultura, Marta Suplicy, enviou na manhã desta terça-feira (11), sua carta de demissão à presidente Dilma Rousseff. As informações são do blog de Sonia Racy  no portal do “O Estado de S. Paulo”. Segundo a colunista, a carta foi protocolada às 10h desta terça-feira, na Casa Civil.

Marta Suplicy entrega carta de demissão ao Planalto, diz colunista
Marta Suplicy entrega carta de demissão ao Planalto, diz colunista

Marta havia confirmado que sairia do ministério na semana passada, no dia 6, para retornar ao Senado Federal. “Me planejei muito bem para dois anos (como ministra), eu vou voltar pro Senado, estou muito contente em voltar. E acho que é um momento político importante, o meu Estado também necessita de um senadora neste momento”, disse ela, naquele dia.

Marta assumiu a pasta da Cultura em 2012 no lugar da ex-ministra Ana de Hollanda. A petista tem mandato no Senado até 2018.

Com Marta, alguns auxiliares também estão deixando a pasta, caso do diretor da Cinemateca Brasileira, Lisandro Nogueira, que se demitiu na última terça-feira.

Para o lugar da petista são cotados o ex-ministro Juca Ferreira, que comandou a campanha de Dilma, e o atual presidente do Instituto Brasileiro de Museus, Ângelo Oswaldo de Araújo Santos.

Leia na íntegra da carta:

Brasília, 11 de novembro de 2014.

À Excelentíssima Senhora Presidenta da República Dilma Rousseff,

Presidenta Dilma,

Agradeço a honra a mim concedida com o convite para ser Ministra de Estado da Cultura do Brasil nos últimos dois anos de seu governo. Encerro hoje a presente etapa com minha missão cumprida, razão pela qual apresento meu pedido de demissão.

Ao lado de minha valorosa equipe, à qual sou muito grata, tivemos a possibilidade de construir caminhos e encaminhar soluções para nossas sete importantes instituições e fundações coligadas, assim como também pudemos apresentar um país diferente no exterior.

Em meio a inúmeras demandas e carências orçamentárias do Ministério da Cultura, focamos nosso trabalho em valores que nos são preciosos: inclusão da população na produção de cultura e ampliação do acesso aos bens culturais.

Para que o legado de Vossa Excelência viesse a ser sólido, nos dedicamos a viabilizar a aprovação, com êxito, de um conjunto de leis por anos pendentes no Congresso, que possibilitaram criar a coluna vertebral de políticas de Estado da Cultura.

Em dois anos aprovamos o Sistema Nacional de Cultura, o Vale-Cultura, a Lei da Cultura Viva, o Marco Civil da Internet, a Lei de fiscalização do Ecad, a PEC da Música, além de ter enviado à Casa Civil, onde aguardam encaminhamento, o Direito Autoral e a Lei da Meia Entrada.

Por esta oportunidade de servir nosso país nesta função tão especial, de conhecer melhor e conviver com o povo da cultura, estar mais próxima de nossos artistas e raízes profundas, lhe sou grata.

Todos nós, brasileiros, desejamos, neste momento, que a senhora seja iluminada ao escolher sua nova equipe de trabalho, a começar por uma equipe econômica independente, experiente e comprovada, que resgate a confiança e credibilidade ao seu governo e que, acima de tudo, esteja comprometida com uma nova agenda de estabilidade e crescimento para o nosso país. Isto é o que hoje o Brasil, ansiosamente, aguarda e espera.

Volto para o Senado Federal para representar o Estado de São Paulo, por mais quatro anos, com muito vigor, energia e com o firme propósito de fazê-lo com amplitude, seriedade e grandeza. Na condução do Ministério da Cultura, e como Senadora licenciada pelo PT, não me apequenei, o fiz com coragem e determinação. Não fugi à responsabilidade de meu compromisso público ao me posicionar e ter feito o que acreditava ser o melhor para o Brasil e para o povo brasileiro.

Marta Suplicy

Senadora pelo Estado de São Paulo (2011/19)

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).