Inicio » Esporte » Brasileirão 2016 » Brasileirão 2014 – Atlético-MG tropeça no Independência e segue fora do G4

Brasileirão 2014 – Atlético-MG tropeça no Independência e segue fora do G4

Com pensamento voltado para a Copa do Brasil, o Atlético-MG recebeu na Arena Independência o Figueirense, que briga para não cair no Brasileirão. O time catarinense deve ter ficado satisfeito, já que conseguiu um empate dentro do Horto, e, mesmo cedendo o empate no segundo tempo, pode considerar que o resultado de 1 a 1, com gols de Jefferson e Dodô para o Galo, é um bom placar para seguir buscando a permanência na Série A. Já o time mineiro, que pretendia entrar no G4, acabou prejudicado por um valente Figueira.

Brasileirão 2014 - Atlético-MG tropeça no Independência e segue fora do G4
Brasileirão 2014 – Atlético-MG tropeça no Independência e segue fora do G4

SUSTO PARA O GALO

O Figueira precisava da vitória para conseguir se afastar ainda mais e espantar a ameaça da zona de rebaixamento, mas jogar no Horto é sempre complicado, e, o Atlético-MG, mesmo com o time reserva, impôs seu ritmo de jogo e dominou a partida, com boas tramas entre Dodô e Marion. Apesar disso, quem saiu na frente foi o próprio Alvinegro catarinense, após boa arrancade de Jefferson, que tabelou com Clayton e acertou um belo chute, marcando um golaço que deu a vantagem ao Figueira na primeira etapa.

EMPATE AMARGO

Na etapa final, o Galo veio para cima, já que acabou sofrendo um gol inesperado no fim do primeiro tempo. O técnico Levir Culpi promoveu as entradas de Luan e Carlos, titulares da equpe, mas quem marcou foi Dodô, outro garoto da base. Logo aos 6 minutos, Josué escorou para o meio da área, o jovem atacante pegou de primeira e fez um bonito gol para empatar a partida. O Atlético-MG pressionou o resto do jogo inteiro, mas o time catarinense manteve uma boa postura defensiva e volta para casa com um ponto ganho.

Em seu próximo compromisso, o Galo vai receber o Flamengo, na Arena Independência, e espera vence o Rubro-Negro carioca para não se distanciar do G4. Já o Figueira, que segue em busca da permanência na Série A, vai até o Rio de Janeiro, enfrentar o Botafogo, em São Januário, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA :  ATLÉTICO-MG X FIGUEIRENSE

Data: 15/11/2014 – 19h30

Local: Arena Independência, em Belo Horizonte (MG)

Árbitro: Thiago Duarte Peixoto (SP)

Auxiliares: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Miguel Cataneo Ribeiro da Costa (SP)

Cartões amarelos: Nirley (FIG-41’/1ºT); Roberto Cereceda (FIG-17’/2ºT)

Cartões vermelhos: –

Gols: Jefferson (FIG-45’1ºT); Dodô (CAM-6’/2ºT)

Público/Renda: Não divulgados.

ATLÉTICO-MG: Victor; Alex Silva, Edcarlos, Tiago e Pedro Botelho; Pierre, Josué, Rafael Carioca (Dátolo 23’/2ºT) e Eduardo (Luan – Intervalo); Dodô e Marion (Carlos – Intervalo) . Técnico: Levir Culpi.

FIGUEIRENSE: Tiago Volpi; Jefferson, Nirley, Marquinhos e Roberto Cereceda (Marquinhos Pedroso 30’/2ºT); França, Dener, Pablo e Felipe; Clayton (Mazola 10’/2ºT) e Marcão (Yago 22’/2ºT). Técnico: Argel Fucks.

Lancepress!

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).