Inicio » Minas Gerais » Centro de Minas » MG – Presos os suspeitos do duplo homicídio em Nova Serrana

MG – Presos os suspeitos do duplo homicídio em Nova Serrana

Dois homens foram presos, na manhã desta segunda-feira (1°), em Nova Serrana, região Central do Estado, suspeitos de assassinar um veterinário e um professor universitário. O crime ocorreu nesse domingo (30). O professor Cléber Bernardes, de 31 anos, e o veterinário Renato Gontijo, de 45, morreram após serem esfaqueados. A Polícia Militar (PM) informou que a suspeita do crime seria passional. Os suspeitos, José Maurício da Silva, de 19 anos, e Francisco Alves da Silva, de 21 anos, confessaram o crime. A Polícia Civil (PC) instaurou um inquérito, nesta segunda-feira, para apurar o caso.
A dupla foi presa e em Nova Serrana e confessou o crime
A dupla foi presa e em Nova Serrana e confessou o crime

Segundo a PM, as vítimas e os suspeitos estavam em uma casa no bairro São José, em Nova Serrana. A casa foi encontrada com objetos revirados e danificados, além de marcas de sangue em diversos locais. As vítimas foram encontradas com diversas facadas pelo corpo. Juntos, eles receberam aproximadamente 30 facadas.

Segundo a PM, os suspeitos fugiram em uma Fiorino, pertencente à clínica veterinária de Renato.
Cléber chegou a ser socorrido e levado para Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Nova Serra, mas devido a gravidade dos ferimentos foi encaminhado para o Hospital de Pronto-Socorro João XXIII, em Belo Horizonte. Assim que deu entrada no hospital, ele faleceu.
Prisão
A PM informou que recebeu uma denúncia com informações sobre a autoria do crime. Francisco foi preso no trabalho, em uma fábrica de calçados. José Maurício foi preso em casa.
Eles disseram à polícia que tiveram um desentendimento com as vítimas, sendo essa a motivação dos homicídios. Os militares não entraram em detalhes sobre o motivo da briga, mas disseram que o crime pode ter sido passional.
A dupla foi levada para a delegacia de Nova Serrana, onde a prisão preventiva será ratificada.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).