Inicio » Mais Seções » Curiosidades » Pedra em Marte “revela” rosto de Obama, segundo ufólogos

Pedra em Marte “revela” rosto de Obama, segundo ufólogos


Reviewed by:
Rating:
5
On 3 de dezembro de 2014
Last modified:15 de dezembro de 2014

Summary:

Pedra em Marte “revela” rosto de Obama, segundo ufólogos

Mais uma vez, os sites de ufologia tentam provar a vida em Marte por meio de imagens reveladas pela Nasa. Segundo a mais nova teoria divulgada no site UFO Sightings Daily, uma pedra teria o rosto do presidente americano Barack Obama. As informações são do Daily Mail.

Rosto de Obama? Pedra que aparece em foto de Nasa de 2005 levantou polêmica na internet
Rosto de Obama? Pedra que aparece em foto de Nasa de 2005 levantou polêmica na internet

A foto, que foi tirada pela sonda Spirit, ainda em 2005, teria sido analisada pelo ufólogo Scott Waring – que encontrou o rosto humano em uma das pedras. Primeiramente, Waring acreditou se tratar de uma estátua que estaria enterrada “dos ombros para baixo”, mostrando apenas a cabeça.  Porém, depois de publicar sua teoria, outro ufólogo ficou ainda mais impressionado, pois “descobriu” que, na realidade, a face do presidente Obama.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).