Inicio » Esporte » F1 – Vettel e Alonso agiram como perdedores em 2014, diz Ecclestone

F1 – Vettel e Alonso agiram como perdedores em 2014, diz Ecclestone

Tendo completado o Mundial de F-1 deste ano sem conquistar nenhuma vitória, Sebastian Vettel e Fernando Alonso foram criticados por Bernie Ecclestone por seu comportamento derrotista durante o campeonato difícil que atravessaram em 2014. De acordo com o detentor dos direitos comerciais da categoria, a atitude dos dois ex-campeões mundiais na temporada que terminou há duas semanas, no GP de Abu Dhabi, com o segundo título de Lewis Hamilton, foi decepcionante.

Chefão da Fórmula 1 criticou dois dos melhores pilotos da atualidade
Chefão da Fórmula 1 criticou dois dos melhores pilotos da atualidade

“Sou um super torcedor do Sebastian, mas estou desapontado com sua atitude, que acho que mudou um pouco neste ano. Ele está agindo como um derrotado, o que ele não é. Esta não é sua mentalidade”, afirmou o dirigente inglês na retrospectiva oficial da F-1. O piloto alemão, que venceu quatro títulos seguidos, de 2010 a 2013, completou a temporada deste ano na quinta colocação do Mundial, sem nenhuma vitória, algo que não ocorria desde 2008, quando triunfou pela primeira vez na categoria, ainda correndo pela Toro Rosso.

Depois de anunciar sua saída da Red Bull no final de semana do GP do Japão, em outubro, Vettel revelou em Abu Dhabi que fechou um contrato de três anos com a Ferrari. Segundo o dirigente inglês, no entanto, o fato de a hegemonia Vettel-Red Bull ter chegado ao fim neste ano e ter sido substituída pelo domínio da Mercedes e sua dupla Hamilton-Nico Rosberg, foi um alento para a F-1.

“Não acho que a gente conseguiria sobreviver a mais um ano de Red Bull, assim como a gente não teria vivido outro ano com [Michael] Schumacher”, disse Ecclestone em referência aos cinco títulos seguidos conquistados pelo alemão da Ferrari entre 2000 e 2004.

FERNANDO ALONSO
Assim como criticou Vettel, Ecclestone também não gostou da atitude de Fernando Alonso, que se despediu do time de Maranello neste ano e não vence um GP desde o início do Mundial de 2013.

“Fernando ficou mais ou menos como Sebastian do meio da temporada em diante, então também estou um pouco decepcionado com ele também.” Alonso ainda não divulgou seus planos para 2015, mas a única equipe que ainda tem duas vagas em aberto para o campeonato do próximo ano é a McLaren. No ano que vem, o time inglês voltará a ter motores fornecidos pela Honda, que retorna à categoria. O Mundial de F-1 de 2015 começa em 15 de março, com o GP da Austrália, em Melbourne.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Cultura Moc - Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Cultura Moc – Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Cultura Moc – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).