Inicio » Mais Seções » Papa Francisco completa dois anos no Twitter

Papa Francisco completa dois anos no Twitter

Diferente de todos os pontífices da história da Igreja Católica, no dia 12 de dezembro de 2012, o papa Bento XVI criou uma conta na rede social Twitter para ficar mais próximo dos fiéis. As nove contas em diferentes idiomas já acumulam mais 17 milhões de seguidores.

Papa Francisco completa dois anos no Twitter
Papa Francisco completa dois anos no Twitter

A experiência na nova maneira de comunicação através do “Twitter do Papa”, primeiro com Bento XVI e agora ainda mais ativa com o papa Francisco, se revelou um verdadeiro sucesso.

No dia 3 de dezembro do mesmo ano, a hashtag #AskPontifex foi criada para que os usuários da rede social enviassem perguntas ao papa. Nove dias depois, oito contas foram criadas para o “Pontifex”. Já o Twitter para a América Latina foi criado em 17 de janeiro de 2013 e superou a marca de 300 mil seguidores na última semana.

As primeiras duas mensagens postadas por Joseph Ratzinger foram “Como podemos viver melhor o Ano da Fé no nosso cotidiano?” e “Converse com Jesus durante as orações, escute Jesus que fala com você no Evangelho e encontra Jesus presente naqueles que têm necessidade”. E foi o suficiente para a conquista de seus seguidores.

 

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).