Inicio » Minas Gerais » MG – No fim de semana, acidentes já mataram pelo menos 17 pessoas nas estradas de Minas Gerais

MG – No fim de semana, acidentes já mataram pelo menos 17 pessoas nas estradas de Minas Gerais

MG – No fim de semana, acidentes já mataram pelo menos 17 pessoas nas estradas de Minas Gerais

MG - No fim de semana, acidentes já mataram pelo menos 17 pessoas nas estradas de Minas Gerais
MG – No fim de semana, acidentes já mataram pelo menos 17 pessoas nas estradas de Minas Gerais

Com mais uma morte registrada nas rodovias que cortam o Estado, chega a 17 o número de vítimas fatais desde o início do feriado prolongado, na última sexta-feira (19). O último acidente ocorreu na noite deste domingo (21) na rodovia Pedro Luiz Cerize, em São Sebastião do Paraíso, no Sul de Minas Gerais.

Segundo o Corpo de Bombeiros, a corporação foi acionada por volta das 22h para atender a um acidente entre entre um Fiat Uno e uma motocicleta da marca Honda, ambos com placas do município, ocorrido na altura do km 23 da rodovia.

Cinco pessoas ficaram feridas, sendo quatro delas ocupantes do carro de passeio, entre elas um senhor de idade, um homem de 37 anos e uma criança de apenas 1 ano e seis meses, todos com ferimentos leves, e uma mulher de 26 anos ferida gravemente. A corporação ainda socorreu a garupa da motocicleta, também em estado grave, e que havia sido identificada.

O senhor ferido foi socorrido pela ambulância do Pronto Socorro. As vítimas graves foram levadas para a Santa Casa de Misericórdia do município. O homem morto, que conduzia a motocicleta, não foi identificado pelos bombeiros e teve o corpo removido por uma funerária.

Outros casos

Somente na tarde de domingo (21) outras sete pessoas morreram em acidentes. O mais greve deles, entre um carro e uma carreta, matou cinco pessoas de uma mesma família na BR-354, na cidade de Perdões, na região Centro-Oeste de Minas Gerais.

O Pálio Wekeend da família seguia no sentido Campo Belo, também na região Centro-Oeste, quando invadiu a contramão e foi atingido de frente pela carreta que seguia na mão correta. Chovia muito no momento do acidente. José Carlos Ferreira, 43 anos, Simone Freire Ferreira Sales, 30 anos, Polyana Freire Ferreira, 22 anos, Gilmar Silva, 27 anos e um menino de 10 anos ficaram presos as ferragens do veículo e morreram no local.

Os corpos foram encaminhados para o Instituto Médico-Legal (IML) de Lavras. Ainda de acordo com os bombeiros, Silva era namorado de Polyana. Ela e o menino de 10 anos são filhos do homem de 43. Os bombeiros não souberam informar o grau de parentesco de Simone.

Ainda no domingo, desta vez em Pará de Minas, na região Central do Estado, outras duas pessoas morreram e três ficaram feridas em um acidente na altura do KM 420, na BR-262.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, testemunhas contaram que um Honda Civic invadiu a contramão, capotou e atingiu uma caminhonete Triton que seguia na mão correta. Ainda segundo os Bombeiros, os dois ocupantes do carro, uma mulher de 28 anos e um homem, com idade não informada, morreram no local.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).