Inicio » Mais Seções » Saúde – Dormir após o almoço faz bem para a saúde do corpo e da mente

Saúde – Dormir após o almoço faz bem para a saúde do corpo e da mente

Ter a certeza de que tirar uma soneca após o almoço faz bem para a saúde é o melhor argumento para quem gosta da boa e velha sesta. De acordo com o pneumologista Murilo Guimarães, especialista em sono, já se foi o tempo em que dormir após a refeição era sinônimo de gente preguiçosa. Para ele, o cochilo traz disposição e a diminuição do cansaço, além de melhorar o desempenho cognitivo.

Dormir após o almoço garante descaso do corpo e melhora o desempenho cognitivo
Dormir após o almoço garante descaso do corpo e melhora o desempenho cognitivo

“Na verdade, esse descanso é saudável, principalmente aqui no Nordeste onde o almoço é a refeição em que as pessoas comem mais. Esse momento é ideal para ajudar a fazer a digestão. Além disso, esse cochilo faz com que a pessoa se torne mais produtiva”, ressaltou o médico. Ainda segundo o especialista, o ideal é que esse cochilo dure pelo menos 20 minutos, menos que isso não é suficiente para a mente descansar, trata-se apenas de um relaxamento físico.

Os benefícios da sesta chegou a ser objeto de estudo científico. Uma pesquisa da faculdade norte-americana Allegheny College recrutou 85 pessoas que foram separadas em dois grupos. Um deles deveria dormir por 45 minutos após o almoço, enquanto o outro permanecia acordado. Todos os participantes foram submetidos a testes de estresse e, após avaliação dos resultados, foi constatada uma baixa pressão arterial no grupo que descansou.

A modelista Verônica Couto Castro, de 52 anos, é adepta do cochilo após o almoço. A trabalhadora garante que após o descanso no meio da tarde o dia fica muito mais leve e sua concentração melhora. “Como trabalho em casa, termino de almoçar e vou direto para a cama. Coloco o despertador para 40 minutos depois e tiro meu cochilinho. E mesmo depois disso consigo dormir tranquilamente à noite”, contou ela.

No entanto, há cerca de dois meses a modelista tem tido dificuldade para tirar a soneca restauradora. “O excesso de trabalho tem me deixado ansiosa, daí não tenho conseguido dormir como antes, mas não abro mão de ficar deitadinha para relaxar”, revelou dona Verônica Castro.

Para os que não têm a facilidade de trabalhar em casa, a boa notícia é que empresas têm investido na montagem de espaços propícios para que seus funcionários tirem o cochilo após o almoço. “Diversas pesquisas apontam que o trabalhador produz mais. Nós, inclusive, aconselhamos, mas alertamos que passar de 1h dormindo pode trazer dificuldades no descanso noturno”, avaliou Murilo Guimarães, especialista em sono.

Outro alerta feito pelo médico diz respeito às pessoas que sofrem com refluxo. “Quem sofre com o refluxo deve tomar o cuidado de não deitar após comer, sendo assim a sesta é mais indicada numa posição mais sentada, como numa poltrona”, alertou Murilo Guimarães.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

VLI abre vagas para programa Jovem Aprendiz em Montes Claros

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 8 de dezembro de 2016.VLI abre vagas …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).