Inicio » Minas Gerais » Centro Oeste de Minas » MG – Filho de fazendeiro mata funcionário a facadas

MG – Filho de fazendeiro mata funcionário a facadas


Reviewed by:
Rating:
5
On 22 de janeiro de 2015
Last modified:22 de janeiro de 2015

Summary:

MG - Filho de fazendeiro mata funcionário a facadas

Vítima foi encontrada dentro de uma casa na comunidade de Capão Alto; suspeito e comparsa ainda não foram localizados.

MG - Filho de fazendeiro mata funcionário a facadas
MG – Filho de fazendeiro mata funcionário a facadas

A Polícia Militar de Bambuí, na região Centro Oeste de Minas Gerais, procura por um homem de 40 anos e seu comparsa que mataram um lavrador com 11 facadas nessa quarta-feira (21). Um dos suspeitos é filho do dono da fazenda.

De acordo com o boletim de ocorrência da corporação, o corpo de Antônio Marcos Matos foi encontrado dentro de um imóvel na comunidade de Capão Alto. Ele apresentava perfurações nas costas, peito, antebraço, rosto e pescoço.

Populares contaram que os suspeitos, por motivo desconhecido, começaram a brigar com a vítima. Durante a confusão, o homem sofreu os ferimentos e morreu na hora.

Após o crime, a dupla fugiu em um Escort de cor escura e não foi mais vista. A motivação do crime ainda é um mistério.

A ocorrência foi encerrada na Delegacia de Plantão de Bambuí.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------
Recomendados para você

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).