Inicio » Nacional » Brasil – Morre em Brasília o médico Aloysio Campos da Paz, fundador da Rede Sarah

Brasil – Morre em Brasília o médico Aloysio Campos da Paz, fundador da Rede Sarah


Reviewed by:
Rating:
5
On 25 de janeiro de 2015
Last modified:25 de janeiro de 2015

Summary:

Brasil - Morre em Brasília o médico Aloysio Campos da Paz, fundador da Rede Sarah

Morreu neste domingo (25), em Brasília, o médico Aloysio Campos da Paz Júnior, fundador da Rede Sarah, especializada em medicina ortopédica. A morte, ocorrida às 14h30 (horário de Brasília), no Sarah Centro, foi confirmada por meio de nota da instituição. As causas ainda não foram divulgadas.

O médico Aloysio Campos da Paz Júnior, fundador da Rede Sarah, morreu neste domingo
O médico Aloysio Campos da Paz Júnior, fundador da Rede Sarah, morreu neste domingo

Segundo a nota, o médico “deixa um marco na história da medicina brasileira”.

O Centro de Reabilitação Sarah Kubitschek foi fundado em 1960, com o objetivo de dotar Brasília de moderno centro de reabilitação.
A instituição foi idealizada por Aloysio Campos da Paz Júnior, que, em 1968, é convidado a dirigir o centro e nele desenvolver ideias que surgiram do seu treinamento em Oxford.
O corpo de Aloysio Campos da Paz será sepultado amanhã (26), em Brasília, em horário a ser definido pela família.
A presidenta Dilma Rousseff, pelo Twitter, que recebeu com tristeza a notícia da morte do médico.
“Campos da Paz dizia que sua filosofia era trabalhar para que cada paciente fosse tratado com base no seu potencial e não nas suas dificuldades”, disse a presidenta. Ela acrescentou: “Foi com esta fé na potencialidade de cada paciente que a Rede Sarah ajudou a melhorar a qualidade de vida de milhares de brasileiros”.

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).