Inicio » Colunistas » Coluna – Fragmentos Diários; No Futuro talvez serei Gay (Anderson Silva)

Coluna – Fragmentos Diários; No Futuro talvez serei Gay (Anderson Silva)

Com muita tranquilidade emocional o lutador de MMA Anderson Silva em entrevista ao site americano Fightland, disse que precisa lutar todos os dias com intensidade para vencer o preconceito, “As pessoas acham que sou gay pela minha voz e pela forma que me produzir”. Contou que desde criança traz consigo uma maturidade natural para dividir os momentos e as coisas, amante das artes marciais, mas também dos seus ursinhos de pelúcia e da coleção de bonecas Barby. com sua longa experiência como lutador, afirma que existem muitos gays que praticam esportes radicais , mas que por receio de represálias  continuam “no armário”: “Hoje em dia é tão bobo não expressar seus sentimentos, contanto que você respeite os espaços das outras pessoas,tem que viver a intensidade do querer”  finalizou o lutador. Realmente  é um caso que ilustra o avanço dos tempos e  do entendimento da sociedade, fazendo uma analogia com os anos 40 quando o lutador de judô Gasparino Nazario da cidade de Botucatu –SP, fora expulso da seleção paulista de artes marciais por declarar que não teria problema nenhum em se relacionar com outro homem, se acaso seu avião caisse em uma mata fechada ficando apenas os dois sobreviventes. Sorte ao Anderson Silva, que volte a dar alegrias ao povo brasileiro e que sendo a sua vontade encontre seu cara metade.O ex-jogador Romário, que acaba de ser eleito senador pelo Rio de Janeiro, falou sobre a homossexualidade no mundo do futebol e sobre questões que são motivo de luta da comunidade LGBT. Ele se diz a favor do casamento gay, mas não gostaria que algum de seus seis filhos casassem com uma pessoa do mesmo sexo. Perguntado sobre a entrevista de Anderson Silva, ele disse que prefere deixar que cada roseira cuide do seu botão.

Pergunta Indiscreta

O  Eno perdeu um anel, você ta com o anel do Eno ai??

Touro Gay será Executado

Um touro na Irlanda está com os dias contados e pode fazer uma visitinha ao matadouro. O motivo? Ele é gay e só tem olhos para os seus colegas machos. Benjy, um touro Charolês com pedigree, que pertence a uma fazenda no Condado de Mayo, foi comprado para cruzar com vacas férteis. O problema é que, quando foram feitas análises, foi descoberto que nenhuma vaca havia engravidado. A princípio, pensaram que o fato seria devido a Benjy sofrer de ansiedade de desempenho por ter que lidar com a pressão de ter relações em público. Depois de seus hábitos íntimos serem monitorados, perceberam que ele tinha uma queda por touros machos. Seu dono, não identificado, disse que chegou a aceitar a opção sexual do animal, mas que pensa em abater o touro. Esta noticia é muito importante para ajudar preconceituosos a entenderem a questão da sexualidade como algo que independe da vontade momentânea do individuo, jogando a carapuça para o Pastor Feliciano, Jair Bolsonaro e um vereador bicha da Câmara Municipal de Montes Claros que costuma falar contra sua classe no objetivo de permanecer intocável no armário.

História rápida de baitolagem animal

Minha tia Evita que mora em João Pessoa tivera nos anos 80 um cachorro de nome Virgulino, bonito e robusto que era só elogios. Tanto que no aniversário de 03 anos ganhara de presente um chapéu de estrelas feito aquele do cangaceiro famoso. Mas infelizmente por motivo de segurança meu tio Idelito tivera que sair com Virgulino no cair da noite vindo embora para Minas com mudança e tudo mais, ou correriam sérios riscos de pagar com a vida a desfeita orquestrada pelo cão. Que paramentado com o chapéu de cangaceiro se deu ao disfrute de servir de montaria para um cachorro seco e vira-latas de um botequeiro vizinho.

Thammy Retira os Peitos e Dalciley Coloca

Aquela  Gretchen que dera aula de boquete no filme “Conga La conga”  não demonstrou tristeza ao saber que sua filha Thammy  andaria sem blusas pelas ruas. Calma que não estou falando de topless como aquele espetáculo de manifestação no Rio de Janeiro. A moça está cirurgicamente sem os mamilos. Mas contou que está bastante feliz e realizada com sua nova aparência. Uma das suas maiores alegrias será o fato de poder ir à praia sem  usar a parte de cima do biquíni, o que só deve acontecer daqui a pouco mais de 20 dias, quando ela retirar a cinta modeladora que está usando para a cicatrização. Do mesmo ciclo de amizades da atriz o  ex-porteiro e transformista Dalciley Aparecido que agora poderá assinar como Diana Patricia, disse que só quem retira algo que a natureza colocou  no  corpo de forma indesejada sabe o alivio que sente. Ele que agora é ela retirou o pênis e no mesmo pacote colocou silicone nos seios.

Riso da Hora

Duas bichinhas, Lulu e Lili resolvem ir a feira fazer umas comprinhas. Chegando na barraca de frutas, Lili pede ao feirante: – O moço, duas bananas por favor. – Senhorita, duas bananas eu não posso vender, só vendo uma dúzia. – Ah moco, por favor, vende as duas para a gente… – Não posso, já disse. Se quiser é uma dúzia. Vendo o impasse, vira Lulu e fala: – ô Lili, compra uma dúzia mesmo. – Mas uma dúzia e muito, Lulu!! – Deixa pra lá nega, as outras dez que sobrarem a gente come!!

Fica assim, amanhã tem mais.

Por Hesiodo José

Hesiodo José
Hesiodo José
------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Cultura Moc - Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Cultura Moc – Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Cultura Moc – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).