Inicio » Colunistas » Júlio Cesar Cardoso » Coluna – O bombeiro Joaquim Levy

Coluna – O bombeiro Joaquim Levy

Coluna – O bombeiro Joaquim Levy

O bombeiro Joaquim Levy, ministro da Fazenda, foi contratado às pressas para apagar o fogo tacado pela “Nero” brasileira Dilma Rousseff na economia nacional, que em apenas quatro anos de governo conseguiu deixar o país com as contas públicas quebradas e permitiu o retorno da inflação.

Vejam o desempenho do PIB no governo Dilma:

2011-2,7%; 2012-1%; 2013-2,5%; 2014-0% e 2015 a previsão é de -0,4%.

Dilma Rousseff desconheceu todas as teorias econômicas e adotou a seu modo fundamentos caipiras de intervenção na economia. Vendeu a felicidade dos juros baixos, da energia abundante e barata, do combustível subsidiado e dos programas assistenciais infinitos. Tudo isso, visando a obter dividendos eleitorais à sua reeleição. Mas se esqueceu de fazer investimento concreto na produção de riqueza. E agora com a engrenagem do país rateando o país está parando.

E como consequência bombástica, os caminhoneiros de todo o país resolveram mostrar sua insatisfação com a forma com que o governo vem tratando a produção, paralisando os seus trabalhos nas estradas.

Júlio César Cardoso

Bacharel em Direito e servidor federal aponsentado

Balneário Camboriú-SC

Júlio César Cardoso
Júlio César Cardoso

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Montes Claros – Confira os destaques policiais das últimas 24h

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 7 de dezembro de 2016.Montes Claros – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).