Inicio » Colunistas » José de Paiva Netto » Coluna – Diferenças que agregam

Coluna – Diferenças que agregam

Coluna – Diferenças que agregam

Em Brasília, que, na próxima terça-feira (21/4), celebrará 55 anos de fundação, o Templo da Boa Vontade (TBV) — um espaço onde as diferenças não dividem as criaturas — segue cumprindo seu nobre propósito de acolher a todos, indistintamente, sob a luz da fraternidade ecumênica, ou seja, universal.

Dr. Linas Linkevicius, ministro dos Negócios Estrangeiros da República da Lituânia (Crédito: José Gonçalo)
Dr. Linas Linkevicius, ministro dos Negócios Estrangeiros da República da Lituânia (Crédito: José Gonçalo)

Há poucos dias, recebemos o excelentíssimo dr. Linas Linkevičius, ministro dos Negócios Estrangeiros da República da Lituânia, e sua comitiva. Após conhecer os ambientes do TBV, o dr. Linas declarou: “Essa é a minha primeira visita ao Brasil. E, quando estou visitando alguns lugares, sempre procuro ir a locais sagrados, como igrejas e mosteiros. Há um sentimento bom, especialmente neste lugar famoso, que é o Templo da Boa Vontade, onde pessoas se encontram, culturas se reúnem e corações se comunicam. É exatamente isso de que precisamos entre pessoas e países.

“Geralmente, as pessoas visitam suas próprias igrejas, seus próprios templos. Mas qualquer ideia de conectar pessoas, diferentes religiões e pensamentos é sempre louvável. É exatamente isso que sinto agora. Desejo tudo de melhor para este lugar sagrado”.

Dr. Isaac Tsai, embaixador do Escritório Econômico e Cultural de Taipei (Taiwan) no Brasil (Crédito: José Gonçalo)
Dr. Isaac Tsai, embaixador do Escritório Econômico e Cultural de Taipei (Taiwan) no Brasil (Crédito: José Gonçalo)

Outra presença ilustre na Pirâmide de Sete Faces no início deste mês foi a do excelentíssimo dr. Isaac Tsai, embaixador do Escritório Econômico e Cultural de Taipei (Taiwan) no Brasil.

No ensejo, à Super Rede Boa Vontade de Comunicação (rádio, TV, internet e publicações), o dr. Isaac deixou seu testemunho: “Este Templo, como sabemos, é uma das Sete Maravilhas de Brasília. Depois de visitá-lo, fico muito impressionado porque realmente é uma maravilha. Comparo-o com países orientais, principalmente Taiwan, onde temos pessoas budistas, taoistas, católicas, protestantes e muçulmanas com toda a liberdade ao culto, como aqui”.

Ainda sobre sua satisfação de estar no TBV, comentou: “Sinto-me mais tranquilo, com maior paz. Esse lugar de meditação é muito importante para todos, porque aqui agora, em toda a sociedade, existem mais mentes pacíficas, maior paz, tranquilidade e prosperidade para todos”.

Barbara Heliodora, professora, escritora e tradutora (Crédito: Guga Melgar)
Barbara Heliodora, professora, escritora e tradutora (Crédito: Guga Melgar)

BARBARA HELIODORA

No dia 10/4, faleceu, aos 91 anos, a professora, escritora e tradutora Barbara Heliodora, muito conhecida e respeitada por sua atuação como crítica teatral e pelo seu rico conhecimento da obra de Shakespeare.

Em dezembro de 2013, tive o prazer de receber dela uma fraterna dedicatória em seu livro A História do Teatro no Rio de Janeiro”: “Para Paiva Netto, com o abraço de Barbara Heliodora”.

Todos nós, da LBV, juntamo-nos à classe artística, aos seus queridos familiares e amigos, na homenagem ao seu Espírito Eterno, desejando vibrações de Paz na nova jornada que começa, porque os mortos não morrem.

José de Paiva Netto, jornalista, radialista e escritor

José de Paiva NettoJosé de Paiva Netto
José de Paiva Netto

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Cultura Moc - Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Cultura Moc – Festa Nacional do Pequi começa na próxima semana

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 10 de dezembro de 2016.Cultura Moc – …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).