Inicio » Cultura MOC » Cultura Moc – Espetáculo no Corredor Cultural homenageia obra de Elthomar Santoro

Cultura Moc – Espetáculo no Corredor Cultural homenageia obra de Elthomar Santoro

Cultura Moc – Espetáculo no Corredor Cultural homenageia obra de Elthomar Santoro

Cultura Moc - Espetáculo no Corredor Cultural homenageia obra de Elthomar Santoro
Cultura Moc – Espetáculo no Corredor Cultural homenageia obra de Elthomar Santoro

Nesta sexta-feira, 8 de maio, artistas, amigos e parceiros que conviveram com o compositor, poeta, cantor e homem do teatro Elthomar Santoro Júnior, se reúnem para celebrar sua obra musical. 

A homenagem, como não poderia deixar de ser, terá a forma de um espetáculo musical, com a participação dos músicos e intérpretes Macim da Gaita, Jobert Narciso, Ismoro da Ponte, André Águia, Ricardo Vianna, Álvaro Vicente, Aroldo Pereira, Brown Marques, Deborah Rosa, Deusdeth Rocha, Karla Celene, Marcílio Maia e Sholmes Souto. 

A apresentação, que promete ser imperdível, acontecerá no Corredor Cultural Padre Dudu, a partir das 20 horas, com acesso gratuito. 

O evento é uma realização da Prefeitura de Montes Claros, através da Secretaria de Cultura, e tem apoio da 4.5, Vianna Studios, Gráfica São Geraldo e W & W Vídeo Produções.  

ELTHOMAR – Elthomar Santoro nasceu em Sâo João da Ponte. Na infância e juventude, residiu em Montes Claros, Belo Horizonte e Rio de Janeiro. Na década de 1980, retornou a Montes Claros, onde residiu com toda a sua família, até seu encantamento, em setembro de 2014.  

Atuou na cena rock brasileira através do movimento punk, com a Banda do Lixo, formada em Belo Horizonte e que tocou em várias partes do Brasil. Escreveu e produziu livros alternativos e espetáculos teatrais, tais como o polêmico “O caso das galinhas do prefeito”.  

Como compositor, gravou vários CD’s. Várias de suas composições se espalharam por todo o país, ao serem gravadas por inúmeros intérpretes, sendo a “Rapariga do Bonfim” a mais conhecida delas, tendo, inclusive, mais de 30 gravações, em diferentes versões. Essa canção já faz parte do imaginário coletivo nacional: em rodas de amigos, é cantada espontaneamente, por diferentes gerações.

PUBLICIDADE

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Leia Também

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Temer sanciona com veto lei que repassa custos do Fies com bancos para faculdades

Compartilhar no WhatsApp* Por: Jornal Montes Claros - 2 de dezembro de 2016. Temer sanciona …


Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).