Inicio » Nacional » Brasil – Oito em cada dez brasileiros se consideram pessoas religiosas

Brasil – Oito em cada dez brasileiros se consideram pessoas religiosas

Oito em cada dez dos habitantes do Brasil, o que corresponde a 79%, se dizem pessoas religiosas, de acordo com a pesquisa Barômetro Global de Otimismo, feita pelo Ibope Inteligência. Outros 64 países participaram da pesquisa, feita em parceria com a Worldwide Independent Network of Market Research (WIN), com 63.898 entrevistados. Os que não se consideram religiosos são 16% da população. 2% afirmam ser ateus.

No Brasil, 79% afirmam ser pessoas religiosas
No Brasil, 79% afirmam ser pessoas religiosas

O índice do Brasil fica acima da média global, de 63%. No mundo, 22% não se consideram religiosos e 11% se dizem ateus. Na África e no Oriente Médio, o percentual dos que disseram ser religiosos é de 86% e 82%, respectivamente. Na Ásia, as pessoas de fé são 62%.

fd62daa051d9d48d38c208abc4535595Na Oceania, 44% se consideram religiosos e 37% não se consideram. Nos países do oeste da Europa, 43% são religiosos e 37% não. Nestas regiões e na Ásia foi detectada a maior presença de ateus: 14% no oeste europeu e na Ásia e 12% na Oceania.
O país em que foram encontradas mais pessoas ateias foi a China, em que 61% afirmam não ter religião. 29% dizem não ser religiosos.
No Ocidente, o país menos religioso é a Suécia, onde 74% declararam não ser religiosos ou afirmaram ser ateus.
A pesquisa também revelou que a religiosidade tem relação direta com idade, renda e nível educacional. De acordo com o estudo, pessoas com maior grau de instrução e os mais jovens (até 34 anos) tendem a ser mais religiosos: 80% e 66%, respectivamente.
Entre os mais ricos, menos de 50% se dizem religiosos, contra 70% dos mais pobres. A quantidade de ateus segue a mesma linha: atinge 25% entre os que possuem os maiores rendimentos e é de apenas 5% entre as pessoas com os menores ganhos.

VIATOTAL

ViaTotal

///////////////////////////

------------------------------------------------------------------------

Se você é a favor de uma imprensa totalmente livre e imparcial, colabore curtindo a nossa página no Facebook e visitando com frequência o site do Jornal Montes Claros


------------------------------------------------------------------------

------------------------------------------------------------------------

Aviso: nossos editores/colunistas estão expressando suas opiniões sobre o tema proposto, e esperamos que as conversas nos comentários sejam respeituosas e construtivas. O espaço abaixo é destinado para discussões, para debatermos o tema e criticar ideias, não as pessoas por trás delas. Ataques pessoais não serão, de maneira nenhuma, tolerados, e nos damos o direito de excluir qualquer comentário ofensivo, difamatório, calunioso, preconceituoso ou de alguma forma prejudicial a terceiros, assim como textos de caráter promocional e comentários anônimos (sem um nome completo e email válido).